Werneck, Pedreira e Pol trazem agência 80 20 para o Rio

Beto Werneck, Eduardo Pedreira e José Emilio Pol Miguel, da 80 20

80% dos efeitos vêm de 20% das causas. Baseado neste que é chamado de “Princípio de Pareto” um grupo de publicitários de Campo Grande (MS), encabeçados por Rodrigo Perez, criou, há 15 anos, naquela cidade, a agência 80 20 Marketeria Digital, inicialmente voltada para o mercado digital e, hoje, full-service, renomeada para 80 20 Marketing.

Neste começo de 2018, já tendo também escritório em São Paulo, a 80 20 põe seus pés no Rio de Janeiro através dos publicitários Beto Werneck, Eduardo Pedreira e Jose Emilio Pol Miguel (os três da foto acima), que em outubro de 2017 haviam deixado a sociedade na agência Wide Comunicação Expandida.

Instalada no Lead Americas Business, na Barra, a 80 20 carioca começa a atuar com 12 colaboradores e a expectativa de ajudar o grupo a chegar a uma receita nacional, em 2018, entre 10 e 12 milhões de reais.

A relação entre os dois grupos começou há três anos, quando Eduardo Pedreira — que visita Campo Grande com regularidade, por questões pessoais — conheceu Rodrigo Perez e os dois começaram a pensar em possibilidades de negócios juntos. Com a cisão na Wide, Pedreira chamou a atenção de Werneck para a oportunidade que se abria. O criativo se encantou:

– Percebi que só ficarmos olhando para os grandes centros é burrice. O interior do Brasil tem um mercado riquíssimo e importante, com enorme potencial — disse Werneck à Janela.

Para a agência sul-mato-grossense, a união com Werneck, Pedreira e Pol Miguel se configura como uma oportunidade de crescimento dos negócios, como explica Perez, justificando investir no Rio de Janeiro a despeito da propalada crise econômica vivida pelo mercado:

– Se você tem planos de ser nacional, tem que pensar como no mercado financeiro. Você só ganha dinheiro entrando na baixa. Nós acreditamos na recuperação do mercado carioca. Sabemos que não vai ser em três ou seis meses, ou mesmo em um ano, mas achamos que é possível contribuir com esse processo estando presentes.

A 80 20 começa no Rio com contas que acompanharam os sócios cariocas na saída da Wide, como Cyrela, Curso PH, Grupo Via (imobiliário), Tishman Speyer e Escola de Gente. A agência também já está colocando a estrutura carioca à disposição da expansão dos clientes do Mato Grosso do Sul e de São Paulo, onde ela atende marcas nacionais como Grecin e Vagisil. E, em fevereiro, está programado um workshop para que as lideranças das três unidades se conheçam melhor e definam os caminhos para a integração da operação.

Diretores da 80 20 se reúnem em Campo Grande: Eduardo Pedreira, Leonardo Carlucci, Beto Werneck, Rodrigo Perez e Kenneth Correa
Diretores da 80 20 se reúnem em Campo Grande: Eduardo Pedreira, Leonardo Carlucci, Beto Werneck, Rodrigo Perez e Kenneth Correa

 

O Princípio de Pareto
Wilfried Pareto
Wilfried Pareto

No século XIX, o economista italiano Wilfried Pareto notou que 20% das vagens do seu jardim respondiam por 80% das ervilhas que ele colhia. Intrigado com essa relação de 80/20, acabou percebendo também que 80% da terra na Itália pertenciam a 20% da população.

Mais tarde, o consultor de negócios Joseph Moses Juran difundiu a tese com o nome de “Princípio de Pareto”, hoje também chamada de ‘regra dos 80/20’, ‘lei dos poucos vitais’ ou ‘princípio de escassez do fator’.

No mundo de negócios, ela é frequentemente citada pela afirmação de que “80% das vendas de uma empresa vêm de 20% dos seus clientes”.

A tese é levada para várias áreas. 20% dos atletas ganham 80% das medalhas. 20% do código de um programa contém 80% dos erros. E por aí vai.

A política brasileira frustrou o princípio. Aqui, 100% da corrupção é responsabilidade de 100% dos políticos.

2D, 3D e MOTION
Publicidade

Marcio Ehrlich

Jornalista, publicitário e ator eventual. Escreve sobre publicidade desde 15 de julho de 1977, com passagens por jornais, revistas, rádios e tvs como Tribuna da Imprensa, O Globo, Última Hora, Jornal do Commercio, Monitor Mercantil, Rádio JB, TV S e TV E.
seta