Jornal Meia Hora faz campanha assinada pela Onzevinteum

Onzevinteum para Meia Hora (Corte)

Pela primeira vez em seus 14 anos de existência, o jornal Meia Hora, editado pela Ejesa, vai botar no ar uma campanha publicitária. Criada pela agência Onzevinteum, ela brinca sobre como seriam as manchetes do Meia Hora caso ele existisse por exemplo na época do suicídio de Vargas, do descobrimento do Brasil ou do assassinato do presidente Kennedy.

Versão para Cartaz de Banca da peça em que a Onzevinteum brinca sobre como o Meia Hora noticiaria a descoberta do Brasil
Versão para Cartaz de Banca da peça em que a Onzevinteum brinca sobre como o Meia Hora noticiaria a descoberta do Brasil

O objetivo é reforçar o jeito que o jornal criou de dar suas manchetes, com muita criatividade, humor e linguagem popular, lembrando que “Não é só falar a verdade. É dizer do seu jeito”. Vale lembrar que, quando nasceu, o conceito do Meia Hora era o de falar a língua do leitor em notícias rápidas para ler em até meia hora, mas sua personalidade foi ganhando corpo com sua linguagem própria, hoje marca registrada do jornal.

“Quando um fato importante acontece, as pessoas correm para a banca curiosos sobre como o Meia Hora deu a notícia. Então criamos as manchetes que ele daria em tempos que ele ainda não existia, de Tiradentes ao homem pousando na lua” explica Gustavo Bastos, criador da campanha junto com a Diretora de Arte Julia Lopez.

Segundo Daniel Penalva, Diretor de Publicidade da Ejesa, editora do jornal e também do tradicional O Dia, o momento “O Meia Hora criou um novo mercado, um novo público leitor que passou a consumir jornal a partir do lançamento do veículo. A irreverência das suas capas trouxe uma identidade muito diferenciada como tão bem definiu o cineasta Angelo Defanti, quando produziu o documentário “Meia Hora e as manchetes que viram manchete”.

A campanha entra no ar em Abril com mídia impressa, mídia exterior, cartazes de banca, rádio e redes sociais. Em um segundo momento, a campanha ganhará ainda filme para TV. Nos cartazes para bancas de jornais, a campanha inclusive estimula os jornaleiros a colecionar as peças.

Dinâmica Talentos
Publicidade

Marcio Ehrlich

Jornalista, publicitário e ator eventual. Escreve sobre publicidade desde 15 de julho de 1977, com passagens por jornais, revistas, rádios e tvs como Tribuna da Imprensa, O Globo, Última Hora, Jornal do Commercio, Monitor Mercantil, Rádio JB, TV S e TV E.
seta