• Quem vê esta coruja, Vota Eletromídia
    DPZ&T - Criatividade que gera resultados.
  • Editora Três fecha sua sucursal no Rio de Janeiro

    Domingo Alzugaray

    EM PRIMEIRA MÃO – A Editora Três comunicou a todos os seus colaboradores no Rio de Janeiro que a sucursal deverá encerrar as suas atividades até 30 de junho. O responsável pela área comercial no mercado carioca, Felipe Drummond, também deixa a editora, cuja publicidade é comandada por Maurício Arbex, em São Paulo.

    Em processo de recuperação judicial desde maio de 2007, no final de 2012, a Editora Três já havia fechado sua gráfica em Cajamar, na região metropolitana de São Paulo e passado a terceirizar a impressão de suas revistas.

    Em março de 2015, a empresa decidiu fechar a revista de celebridades Isto É Gente, reduzindo também 20% de todas as suas redações. E em 2017 morreu, aos 84 anos, o fundador do Grupo de Comunicação Três, Domingo Alzugaray (foto), após complicações neurológicas decorrentes do Alzheimer.

    Já passaram pela área comercial da Editora Três no Rio nomes conhecidos da área de veículos, como Francisco de Paula Freitas e Expedito Grossi.

    Felipe Souto Drummond
    Felipe Souto Drummond

    Felipe Souto Drummond, que estava nos últimos três anos na sucursal carioca da Editora Três, tem 38 anos de mercado, com passagens por TV Globo, TV Record, Band, Editora Globo, SBT, Lance e Distak, tendo chegado à empresa em 2015, levado por Expedito Grossi para ocupar vaga na equipe comercial como Executivo de Publicidade. Em conversa com a Janela, ele registrou:

    – Entrei para a editora porque a equipe anterior de três executivos já havia sido dispensada por motivos de contenção. A crise no país já estava instalada. Havia a intenção de colocar alguém para o lugar do Expedito, que havia se desligado da empresa em setembro de 2015. Mas isso não aconteceu e acabei ficando sozinho no Rio tocando o atendimento ao mercado. A situação do nosso mercado está muito ruim, principalmente o meio revista. Agora é bola pra frente, acreditando sempre que o país sairá dessa e novas oportunidades de negócios acontecerão — disse o profissional.

    A Janela tentou contato com a direção nacional de publicidade da Editora Três, mas não teve retorno até o fechamento desta matéria.

    Marcio Ehrlich

    Jornalista, publicitário e ator eventual. Escreve sobre publicidade desde 15 de julho de 1977, com passagens por jornais, revistas, rádios e tvs como Tribuna da Imprensa, O Globo, Última Hora, Jornal do Commercio, Monitor Mercantil, Rádio JB, TV S e TV E.
    seta