• Quem vê esta coruja, Vota Eletromídia
    DPZ&T - Criatividade que gera resultados.
  • Coincidência: Banco ABC Brasil repete tema da Petrobras

    Propeg e David: Camuflagens

    O criativo Francisco Delia Lucchini chamou a atenção da Janela para a semelhança entre um recém-lançado comercial do Banco ABC Brasil com outro assinado pela Petrobras em 2007. Ambos os filmes mostram cenas da natureza nas quais o espectador não percebe que existe um animal até que ele se mova.

    No caso da Petrobras, o conceito do comercial “Camuflagem” foi vender que o desafio da petroleira também era “estar no meio ambiente sem ser notada”. Já o do Banco ABC Brasil, que leva o título “Natureza” aproveitou o slogan adotado pela instituição bancária, “Reservado por Natureza”.

    A coincidência foi percebida por Chiquinho Lucchini exatamente porque foi ele um dos criadores da peça da Petrobras, em dupla com Fernando Freitas, quando ambos estavam na agência Quê (ex-Propeg Rio). A direção do comercial foi de Rodolfo Patrocínio.

    O comecial do Banco ABC Brasil é assinado pela agência David São Paulo, com criação de Luiz Alexandre Musa, Lucas Vigliar, Pablo Manzotti e Alexandre Smissen. A direção foi de Duda Izique.

    Como já estamos acostumados a ver, trabalhar criativamente em uma mesma direção — as duas com o conceito de natureza e meio ambiente — acaba tendo esses riscos de resultados parecidos.

    A Janela entrou em contato com a David, que emitiu o seguinte posicionamento:

    “O Banco ABC Brasil estreou no dia 23 de agosto um comercial que traz imagens impressionantes de animais no seu ambiente natural, muitas delas de camuflagens de diferentes espécies. Selecionadas em bancos de imagens, buscam retratar o novo conceito adotado pelo banco, “Reservado por natureza”. A campanha, criada pela DAVID, ainda destaca algumas das principais características do Banco ABC Brasil – além da discrição em sua atuação de mais de 30 anos no país, a solidez e a capacidade de oferecer soluções completas aos seus clientes. A campanha do outro anunciante citada em nota do site Janela Publicitária fala de atuação e impacto no meio ambiente, enquanto o Banco ABC Brasil faz um paralelo da atuação da empresa versus a maneira como a natureza se comporta. Dessa forma, a DAVID entende que os conceitos em nada se assemelham.”

    Para a apreciação dos leitores, vão aí os dois comerciais:

    Marcio Ehrlich

    Jornalista, publicitário e ator eventual. Escreve sobre publicidade desde 15 de julho de 1977, com passagens por jornais, revistas, rádios e tvs como Tribuna da Imprensa, O Globo, Última Hora, Jornal do Commercio, Monitor Mercantil, Rádio JB, TV S e TV E.
    seta