• Eletromídia
    DPZ&T - Criatividade que gera resultados.
  • Conta da Casa & Vídeo vai para a Propeg Rio

    Casa & Vídeo com promotor

    EM PRIMEIRA MÃO – A Propeg Rio foi a vencedora da concorrência pela conta da rede de varejo Casa & Vídeo, disputando a final com a agência Script.

    O processo começou em setembro último, quando a Casa & Vídeo chamou para apresentações as agências Agência3, Propeg, Script e Sides. Pouco depois, porém, também levaram seus portfolios e propostas a Artplan — que já havia atendido a conta outras vezes — e a Leiaute. A Mullen Lowe, de São Paulo, que vinha atendendo a Casa & Vídeo nos últimos anos, não chegou a participar desta concorrência.

    Mr.Catra estrelou diversas campanhas da Casa & Vídeo.
    Mr.Catra estrelou diversas campanhas da Casa & Vídeo.

    Fundada em 1988, a Casa & Vídeo tem sido um cliente de muita irregularidade na sua liberdade criativa. Nos últimos anos, teve alguns momentos absolutamente divertidos e inteligentes, como a série com o Mr.Catra, desenvolvida pela Artplan, ou a MãeGaiver, pela Mullen Lowe, contrastando com uma maioria de campanhas totalmente comportadas.

    Em abril deste ano, a empresa divulgou nota, com Marcelo Tavares, diretor comercial e de marketing à época, anunciando que ela passaria a editar a revista “Sua Casa”, a ser distribuída gratuitamente nas lojas e encartada na imprensa carioca, com matérias sobre decoração, dicas para a casa, receitas, faça você mesmo e entrevistas. A revista teve cinco edições e foi encerrada, com o encarte tradicional da rede passando a incluir conteúdo.

    Para a Janela, a gerente de marketing da empresa, Laura Autran, adiantou que a Casa & Vídeo pretende “ser uma marca relevante e de destino preferido, completo e acessível na hora de decisão da compra”.

    – Queremos que nossa comunicação aborde nossos 4 principais pilares: preço, qualidade, diversidade de produtos e conveniência. Isso, com uma linguagem leve, popular, acessível, mas sem ser popularesca, sendo o & como elemento principal – completou a executiva.

    Além das já citadas Artplan e Mullen Lowe, passaram pela Casa & Vídeo as agências Genesis (em 1995, antes de a agência se juntar à Ferrari e à Speroni na Agência3), Caio, levada pelo criativo Gustavo Bastos (em 1998), Doctor, Casa da Criação (em 2001) e Grey (2011).

    Marcio Ehrlich

    Jornalista, publicitário e ator eventual. Escreve sobre publicidade desde 15 de julho de 1977, com passagens por jornais, revistas, rádios e tvs como Tribuna da Imprensa, O Globo, Última Hora, Jornal do Commercio, Monitor Mercantil, Rádio JB, TV S e TV E.
    seta