• DPZ&T - Criatividade que gera resultados.
  • Coca-Cola apresenta nova marca com filme da WMcCann Rio

    "Para todos", da WMcCann para a Coca-Cola, em 2018

    A nova marca da Coca-Cola — que a empresa define como “uma mandala com produtos variados do portfólio” — já assina o novo comercial que está no ar para mostrar a diversidade das bebidas fabricadas por ela no Brasil.

    O filme, criado por Bruno Mukai e Gabriel Gil, da WMcCann Rio, retoma, como referência, a ideia do “Para Todos” do premiadíssimo comercial do argentino Martin Mercado, para a McCann portenha em 2002 e que já havia recebido uma adaptação brasileira naquele mesmo ano (veja abaixo).

    O institucional atual apresenta o slogan “Coca-Cola Brasil é para todos”, ilustrado por uma série de imagens que mostram as bebidas, acompanhadas de um “Para…” dedicado a cada uma: “Para os clássicos. Para os inovadores. Para toda a família. Para um só. Para os que se esforçam. Para quem se refresca. Para os que amam praia e para os que amam serra. Para os que vão e os que voltam. Para quem curte academia. Para quem quer opção. Para quem quer sair do comum. Para os solteiros e para os casais. Para os filhos. Para os que pensam no futuro dos filhos. Para quem bebe da fruta. Para quem bebe da nuvem. Para os brasileiros. Para os brasileiros de todo lugar”.

    A nova marca da Coca foi desenvolvida pela equipe global de design da empresa em parceria com a Brody Associates. A Coca explica que a paleta de cores da nova logo “”reflete a diversidade do portfólio e dos consumidores, além das diferentes culturas em que a companhia opera. Além disso, o nome se torna o centro de gravidade e o círculo traz diversos simbolismos: das 24 horas do dia, da variedade do portfólio em diferentes momentos do dia, do impacto do negócio no planeta ou de uma simples gota de água, base de todas as bebidas””.

    Este é o novo comercial, que fica no ar até fevereiro, reforçado por ações digitais no Facebook e Instagram da empresa, e contará também com parceria com Uol e Oath:

    Veja aqui o comercial original “Para todos”, de Martin Mercado, para a McCann argentina, em 2002:

    E a versão brasileira do “Para Todos”, naquele mesmo ano, dirigido por Lúcia Novaes, com direção de criação de Luiz Nogueira, da McCann Rio.

    Ficha Técnica do novo filme.

    Agência: WMcCann
    Cliente: Coca-Cola Brasil
    Nome da campanha: Para Todos Coca-Cola Brasil
    CCO: Hugo Rodrigues e André Marques
    VP Executivo e Diretor Geral da WMcCann Rio: Marcio Borges
    Direção de criação: Ricardo Weitsman.
    Criação: Bruno Mukai e Gabriel Gil
    Planejamento: Luciana Padovani, Luiza Portella, Hugo Santos e Mariana Valmoré
    Atendimento: Fabricio Aurichio, Patricia Lopes, Renata Veloso e Rodrigo Ribeiro
    Mídia: André França, André Simões, Elton Baesso, Lorena Dias, Régis Rabelo e Malu Zamprogno, Rodrigo Machado, Dianne Dicelio e Thaís Alves
    VP de Produção: Tato Bono
    RTV: Ana Borges e Juliana Lutterbach
    Produtora do filme: Polvo Content
    Direção: Oriol Barbera
    Fotografia: André Miranda
    AD: Mateus Neiss
    Produção Executiva: Maitê Frohlich
    Atendimento: Guilherme Pierri
    Coordenador de Produção: Pedro Metz
    Direção de Arte: Fabi Zanol
    Equipe de arte: Danielle Hermann, Uenil Roberto Rocca Junior e Igor Machado Alves
    Editor: Daniel Pardal
    Pós-produção: Vértice Finalização
    Produtora de som: Antfood
    Produtor: Lou Schmidt e Vinicius Nunes
    Mixagem e Finalização: Pablo Homem de Mello, Tiago Meira Lins, Fabian Jorge, Bruno Broaska
    Atendimento: Christiane Rachel e Renato Castro
    Locutora: Juliana Calderon
    Produção Gráfica: Ricardo Rodrigues
    Produção Digital: Andrea Rufino
    Projetos: Erika Casal, Gustavo Tupinambá e Juliana Melo
    Aprovação pelo cliente: Pedro Rios, Marina Peixoto, Frederico Mitchell, Fernanda Von e Marina Gonzaga

    Marcio Ehrlich

    Jornalista, publicitário e ator eventual. Escreve sobre publicidade desde 15 de julho de 1977, com passagens por jornais, revistas, rádios e tvs como Tribuna da Imprensa, O Globo, Última Hora, Jornal do Commercio, Monitor Mercantil, Rádio JB, TV S e TV E.
    seta