Grupo Coruja. Sua marca em movimento.
Publicidade

NBS apresenta nova exposição da série Favelagrafia

Favelagrafia

A agência NBS inaugura no próximo sábado, 9/11, a exposição Favelagrafia 2.0, que retoma o projeto social lançado em 2016 e que chegou a ganhar prêmios internacionais. Na versão atual, mais uma vez acontecendo no Museu de Arte Moderna do Rio (MAM), o projeto apresenta novamente os trabalhos dos nove fotógrafos moradores de nove favelas cariocas envolvidos no trabalho anterior, mas, desta vez, dando visibilidade às potências criativas das favelas do Rio de Janeiro.

“Temos como premissa a ideia de quem ninguém entende melhor das favelas do que seus próprios moradores. O olhar deles é o olhar verdadeiramente legítimo. Nesta segunda edição, a escolha sobre as potências artísticas que serão mostradas também foi inteiramente dos fotógrafos”, comenta Aline Pimenta, diretora da NBS SoMa – o departamento de Social Marketing da NBS.

O projeto mostra ainda uma dupla de modelos com estilo afropunk, um dançarino de passinho, um skatista e até um surfista. O Favelagrafia 2.0 também no site oficial e em um perfil do Instagram.
Outra novidade dessa nova edição do projeto foi a oportunidade que os fotógrafos tiveram para disseminar o conhecimento nos locais onde moram. Cada um ficou responsável por organizar uma grande aula de fotografia, que tinha como público prioritário os jovens e crianças das nove favelas envolvidas com o projeto.

“Os nove fotógrafos do Favelagrafia viraram referência nos lugares onde moram. Passaram a ser conhecidos como fotógrafos e inspiração de vida. Sempre que eles estão captando imagens as crianças cercam, perguntam, querem aprender. Aproveitamos para colocar isso dentro do projeto dessa vez. E a recepção foi muito boa. Quem sabe não estamos ajudando no nascimento de novos apaixonados pela fotografia?” explica Aline.

Foto de Saulo Nicolai - Favelagrafia
Foto de Saulo Nicolai para o projeto Favelagrafia

Os trabalhos são dos fotógrafos Josiane Santana (Complexo do Alemão), Omar Britto (Babilônia), Anderson Valentim (Borel), Magno Neves (Cantagalo), Jéssica Higino (Mineira), Saulo Nicolai (Prazeres), Joyce Marques (Providência), Rafael Gomes (Rocinha) e Elana Paulino (Santa Marta).

O Projeto Favelagrafia 2.0 é incentivado pela Prefeitura da Cidade do Rio de Janeiro, através da Secretaria Municipal de Cultura, idealizado pela NBS SoMa, desenvolvido em parceria com a ISL Produções e com patrocínio do Uber.

PUBLICIDADE

UM_Digital. Sem medinho de trabalhar com você.
Tupi FM. A única diferença é a qualidade.
Vote Daniel Simões no Caboré
Marcio Ehrlich

Marcio Ehrlich

Jornalista, publicitário e ator eventual. Escreve sobre publicidade desde 15 de julho de 1977, com passagens por jornais, revistas, rádios e tvs como Tribuna da Imprensa, O Globo, Última Hora, Jornal do Commercio, Monitor Mercantil, Rádio JB, TV S e TV E.
seta