Grupo Coruja. Sua marca em movimento.
Publicidade

Eletromidia exibe vídeos em Libras em vagões do Rio e SP

Min e as mãozinhas - Eletromidia

Os deficientes auditivos ganharam mensagens nos vagões de metrô e outros modais do Rio e São Paulo a partir da parceria da exibidora de OOH Eletromidia com o projeto de desenho animado “Min e as Mãozinhas”.

A cada semana serão apresentadas quatro novas animações em que a Min — uma garotinha também surda — ensina de maneira didática o uso da Linguagem Brasileira de Sinais (Libras).

Até o final da parceria, que tem duração de seis meses, está prevista a exibição de 96 vídeos em todas as linhas do metrô paulistano, CPTM e Supervia no RJ.

Telas da Eletromidia já estão exibindo a série Min e as mãozinhas, em Libras.
Telas da Eletromidia já estão exibindo a série Min e as mãozinhas, em Libras.

“Essa parceria é uma forma de levarmos, além de conhecimento e entretenimento, inclusão para todos os passageiros. De maneira lúdica e divertida trazemos dicas de cidadania e ensinamos para milhões de pessoas a importância da Linguagem de Sinais”, afirma Leandro Veríssimo, head de Marketing e Conteúdo da Eletromidia.

O criador e animador do projeto, Paulo Henrique Rodrigues, conta que criou a ferramenta para fortalecer a representatividade e a inclusão dos surdos com aqueles que não têm limitações na audição. “Buscamos ensinar Libras de maneira democrática e ao mesmo tempo dar aos surdos um entretenimento no qual eles possam exercitar sua língua”, completa Rodrigues.

Além de Paulo Henrique Rodrigues, Min e as Mãozinhas também tem a participação de Tatiane Lui Zancanaro, Gustavo Horst e Cristiane Victorino na consultoria da linguagem, além da colaboração de Fabielle Barbosa, intérprete da Linguagem Brasileira de Sinais, e de Antonio Prada, responsável pela administração do projeto.

Os vídeos podem ser assistidos no canal Min e as mãozinhas do Youtube.

Marcio Ehrlich

Marcio Ehrlich

Jornalista, publicitário e ator eventual. Escreve sobre publicidade desde 15 de julho de 1977, com passagens por jornais, revistas, rádios e tvs como Tribuna da Imprensa, O Globo, Última Hora, Jornal do Commercio, Monitor Mercantil, Rádio JB, TV S e TV E.
seta