Janela Publicitária    
 
  Publicada desde 15/07/1977.
Na Web desde 12/07/1996.
 

Janela Publicitária - Edição de 17/FEV/1995
Marcio Ehrlich

 

Esta edição da Janela Publicitária foi publicada originalmente no jornal Monitor Mercantil.
O seu conteúdo foi escaneado e transcrito para ficar à disposição de consultas pela internet.

Conde promete agitar a disputa pelo Clube de Criação do Rio

Este ano não vai ser igual àquele que passou. Se o leitor encontrar o publicitário carioca Ronaldo Conde, diretor associado de criação da Pubblicità, com essas palavras na boca, não pense que ele está se preparando para o Carnaval. Com certeza ele está explicando a mais alguém que desta vez não vai desistir e seguirá até o fim como candidato às eleições do Clube de Criação do Rio, novamente com a proposta de trazer de volta para a associação uma grandeza maior que a prometida por seu adversário Gustavo Bastos: a grandeza do tempo em que o CCRJ era dirigido pelos principais diretores de criação do Rio, como o próprio Ronaldo e ainda Carlos Pedrosa, José Monserrat e Alcides Fidalgo, entre outros.
Para Ronaldo Conde, entre os maiores problemas do Clube hoje em dia está à perda da representatividade política que a entidade havia conquistado no passado em campanhas como a da nacionalização do cartaz de cinema ou da redemocratização do país, em conjunto com outras entidades brasileiras.
Alfinetando Gustavo Bastos, cuja plataforma fala na volta às atividades sociais do clube, Ronaldo adianta que quer "trocar o social, um conceito antiquado de congregar os profissionais da área, pela participação efetiva na vida do Rio de Janeiro". O candidato, por exemplo, defende como fundamental "que o presidente do CCRJ participe e tenha representatividade nos movimentos, sérios que tratam do novo momento político e econômico do Rio".
A chapa de Ronaldo Conde, batizada de "Pelo Clube", está em montagem, tendo confirmados até agora os nomes de Renata Giese, João Santos, Eduardo Correa, Lelo Nahas e Sérgio Cardoso. A primeira manifestação pública da chapa - com panfletagem e distribuição de santinhos - deverá acontecer hoje, no tradicional almoço de sexta-feira na churrascaria Plataforma, para onde convergem muitos publicitários cariocas.
Por seu lado, Gustavo Bastos não está parado. Ele batizou sua chapa de "Meu Chapa" e convidou a integrá-la, até agora, os criadores André Pedroso, Ernani Gouveia e Marcos Frauches. Até a próxima semana, Gustavo promete ter a definição completa do seu grupo.
Quem vota?
A realização de uma eleição com dois candidatos fortes como Gustavo Bastos e Ronaldo Conde - ambos ex-presidentes do Clube - deve voltar a agitar o mercado de criação carioca. Tanto Ronaldo como Gustavo prometem fortes campanhas para atrair eleitores. Numa entidade tão descaracterizada como está o Clube de Criação do Rio (como, aliás, são todas as associações de propaganda), cada eleitor conquistado é parte da vitória.
Ricardo Galletti, atual presidente do CCRJ, fez o ato heroico de lançar em seu computador as mais de 500 fichas de profissionais ligados à criação no Rio que ele herdou de cadastramentos anteriores à sua gestão. Numa atividade de altíssimo turn-over profissional, porém, é de se imaginar que grande parte deste cadastro já esteja desatualizada em relação a endereços e locais de trabalho.
Galletti defende que possa votar nas próximas eleições quem quer que esteja nesta sua listagem e também quem atenda às exigências do estatuto do Clube e queira se cadastrar agora. Ou seja, redatores, diretores de arte, profissionais de estúdios e estações gráficas e todos os profissionais de produção de imagem, áudio e vídeo.
De qualquer forma, para votar, será necessário que o associado esteja em dia com as anuidades do CCRJ. Como o clube não mantém um sistema de cobrança e 99,9% dos associados está em atraso há alguns anos, Galletti dará uma anistia ampla, geral e irrestrita aos devedores, que se colocarão em dia pagando apenas os R$ 20,00 da anuidade de 1995.
O que mostra mais uma vantagem em realizar uma eleição com mais de um candidato. No mínimo, ela servirá para que o novo presidente já inicie seu trabalho com algum dinheiro em caixa.

MKTMIX MKTMIX

• PARABÉNS PRA VOCÊ- A Janela se abre para comemorar os próximos aniversários do mercado. HOJE: Jair de Souza e Marcos Calvi (Casa da Criação). Dia 20: Eduardo Souto Neto (Souto) e Paola Ballousier (Interteam Plus). Dia 22: Viviano Caldas (Propeg). Dia 24: Delano D'Ávila (Grottera).
• ABRINDO A BOLSA - A Salles e a DPZ são as agências melhor cotadas na disputa pela conta das Bolsas do Brasil, o nome que assinará uma campanha no valor de US$ 3 milhões para estimular os investimentos nas Bolsas de Valores do Rio e de São Paulo.
• VAI TER SQUARE NA PRAÇA - Dia 22 próximo será conhecida a agência responsável pela campanha de lançamento do Barra Square, um novo shopping center da A. C. Lobato que surgirá no Rio em frente ao Barra Shopping. Estão na disputa pela verba inicial de US$ 450 mil as agências Chris Colombo, Giovanni e GR.3.
• ALÔ ALÔ - A Ferrari conquistou a conta da Cell Center, grande anunciante de classificados e que se apresenta como a maior revendedora de aparelhos de telefonia celular do Brasil. A direção da conta está a cargo de Denise Capece, responsável pelo planejamento durante a prospecção.
• Ô CRIADOR DIFÍÍÍCIR - Quem conquistará o coração de Marcos Pedrosa? O redator, considerado um dos novos talentos da propaganda carioca e portador, no sangue, da herança de Carlos Pedrosa, está sendo disputado por Ronaldo Conde e Gustavo Bastos para fazer parte das suas chapas à eleição do CCRJ. A ambos, até agora, disse não.
• CONTA AFIADA - Em São Paulo, a Sharp começou o processo de escolher uma nova agência para cuidar de sua conta de US$ 7 milhões. A DM.9, que cuidava da empresa, preferiu ficar agora com a Prosdócimo, do Paraná.
• OUTRA PELO RIO - A F. Nazca/Saatchi & Saatchi já encontrou um lugar no Rio, de onde cuidará de seu novo cliente Banco Nacional. Será em um grupo de salas do 10º andar do Centro Empresarial Rio, em Botafogo. Comandada por Alcir Gomes Leite (ex-MPM/Lintas) a S&S deve ser inaugurada na primeira semana de março. Inicialmente a agência não terá criação no Rio. Para a mídia, está vindo de São Paulo Marcio Zorzella. E no atendimento ainda haverá uma contratação de um profissional carioca.
• PROBLEMA DE COLCHÃO - A Giovanni, que já havia deitado na cama com a Metalonita, está agora com a conta dos colchões Ortobom. O primeiro anúncio para este cliente foi aproveitando a oportunidade da dor de coluna do presidente Fernando Henrique. A agência sugeriu em anúncio da Ortobom ao presidente "trocar de colchão"...
• ELETRO DEMAIS - A Siemens, Divisão de Eletromedicina, entregou sua conta para a D+ Propaganda, que cuidará do lançamento de produtos importados da empresa alemã em veículos segmentados da área de medicina.
• NADANDO PRO FUTURO - A Argos, agência criadora das campanhas do Leite Solo com o nadador Rômulo Arantes, conseguiu que a empresa patrocinasse a escola de natação daquele ator/atleta até o ano 2000, quando espera que algum deles consiga representar o Brasil nas Olimpíadas.
• CARTAS - As correspondências para a Janela devem ser enviadas até 5ª feira para Praia de Botafogo, 340 grupo 210, CEP 22250-040, Rio de Janeiro-RJ. O telefone, em horário comercial, é (021) 552-4141.