Janela Publicitária    
 
  Publicada desde 15/07/1977.
Na Web desde 12/07/1996.
 

Janela Publicitária - Edição de 25/AGO/1995
Marcio Ehrlich

 

Esta edição da Janela Publicitária foi publicada originalmente no jornal Monitor Mercantil.
O seu conteúdo foi escaneado e transcrito para ficar à disposição de consultas pela internet.

Sai finalmente o Edital para a conta de Marcello Alencar

Jomar Pereira da SilvaFoi dada a largada para a disputa da conta publicitária do Governo Marcello Alencar. Desde ontem, já está à disposição no Palácio Guanabara o Edital da Licitação, detalhando tudo o que as agências devem fazer para tentar um dos sete pedaços da conta, que terá uma verba de R$ 23.750.000,00 para o período de 38 meses do contrato.
A escolha das agências está sendo comandada pelo secretário de comunicação do Governo do Estado, o publicitário Jomar Pereira da Silva, que em seu currículo tem não só passagens por veículos, agências e anunciantes como pela presidência da Abap-Rio. Todo este passado fez Jomar ser extremamente cuidadoso em não desrespeitar os princípios sempre solicitados pelo mercado publicitário para as concorrências públicas. Nesta licitação do Estado, por exemplo, a lei 4.680 será preservada integralmente, mantendo-se intocáveis os percentuais de 20% dos custos de veiculação e de 15% de produção a que as agências têm direito.
A diferenciação na disputa de preços acontecerá em relação à tabela de custos internos das agências participantes, contando mais pontos aquela que oferecer melhores custos em relação à tabela do Sindicato. Fica impedido, porém, o custo zero. Além disso, a proposta de preço terá um peso de apenas 10% em relação ao resultado final, ficando a proposta técnica com a maior participação, de 90%.
Ao final da seleção, o atendimento publicitário do Governo será feito por no mínimo quatro e no máximo sete agências de propaganda, divididas nos seguintes grupos:
1 - lnstitucional (R$ 3.900.000,00)
2 - Desenvolvimentos Sociais (R$ 3.500.000,00)
3 - Infra-Estrutura e Meio Ambiente (R$ 3.200.000,00)
4 - Transporte e Sistema Viário (R$ 3.150.000,00)
5 - Políticas Tributárias (R$ 3.250.000,00)
6 - Desenvolvimentos econômicos, turismo, ciência e tecnologia (R$ 3.500.000,00).
7 - Cultura, Esporte e Lazer (R$ 3.250.000,00).
A variação do número de agências deve-se ao fato de que cada agência pode se inscrever em todos os grupos, mas só pode ganhar em no máximo dois deles. Para facilitar o processo de inscrição, a comissão de licitação aceitará apenas uma pasta de documentos de cada agência concorrente. As propostas técnicas e de preço, porém, têm que ser individuais para cada grupo, já que dependem de briefings específicos do grupo, como determina o Edital.
Para adquirir o Edital, a agência interessada deve recolher um DARJ no Banerj no valor de R$ 100,00 (Cem Reais), com o código 999.7 e a denominação "Outras Receitas". De posse do DARJ com o carimbo do banco, basta levar à sala 313 do Anexo do Palácio Guanabara, das 9:30 às 11:30 e 14:30 às 17:00 horas para receber sua cópia do Edital. A entrega das propostas será dia 9/10 às 10 horas, no auditório do Palácio.
Jomar admite que o valor estabelecido para a comunicação do Estado é pequeno para as suas necessidades nos próximos três anos, mas ressalva que está prevista a possibilidade de a verba disposta crescer até mais 25%.
Sem falar que ele pretende, neste período, atrair a iniciativa privada para campanhas cooperadas, que permitirão novos acréscimos aos esforços de comunicação do Governo.

Jonas e Sérgio confirmam disputa pela Abap-Rio

Os dois candidatos à sucessão na Abap-Rio, Sérgio Silva, da Standard, e Jonas Suassuna, da Zapt, ganharam mais um prazo para montarem suas campanhas eleitorais. A reunião-almoço da entidade marcada para a próxima segunda-feira, 28 de agosto, na qual as duas chapas deveriam apresentar os seus projetos, foi transferida para 11 de setembro, no Rio Atlântica Hotel, às 11:30 horas. A eleição também foi adiada, passando para o dia 18 de setembro.
Na última segunda-feira, representantes de apenas 12 dos mais de 30 associados da Abap­Rio estiveram presentes na reunião da entidade em que Sérgio e Jonas se apresentaram como candidatos. Nem por isso os debates foram menos acalorados, com alguns momentos de tensão, segundo revelaram à Janela empresários lá presentes.
O atual presidente da Abap­Rio e da agência Contemporânea, Armando Strozenberg, para defender a candidatura de seu indicado, Sérgio Silva, chegou a pedir a Jonas Suassuna que declinasse de sua iniciativa de concorrer, adiando-a para dentro de três anos, quando deve acontecer a próxima escolha. Ante a recusa de Jonas de deixar a disputa, Sérgio Silva chegou a cavalheirescamente propor a sua própria retirada, declarando inclusive que votaria em Jonas. Foi a vez de Armando e de Valdir Siqueira, da V&S, insistirem em que ele se mantivesse candidato, partindo para um confronto que - até onde se lembram os publicitários de hoje - será inédito no capítulo carioca da Associação Brasileira de Agências de Propaganda.
Na verdade, é até uma situação louvável, porque de imediato reativará tanto as discussões sobre a função e a importância da entidade quanto dos problemas que precisam ser solucionados no Rio de Janeiro.
Até o fechamento desta coluna, a chapa de Sérgio Silva tinha como confirmada apenas a participação de Maurício Nogueira, vice-presidente da Giovanni. Como terceiro membro havia sido convidado José Blanco, diretor da J. Walter Thompson, que preferiu não concorrer para não aumentar o peso de agências de origem multinacional na chapa de Sérgio.
Na equipe de Jonas, foi confirmada esta semana a presença de um nome de peso: Celso Japiassú, presidente da Denison/Bates e um dos mais influentes líderes do mercado.
Durante a próxima semana, a Janela procurará os dois candidatos para, com suas chapas formadas, ouvir as suas plataformas para os próximos anos da Abap no Rio de Janeiro, publicando as entrevistas na próxima edição, como parte da cobertura que a coluna vem dando ao tema.
Aliás, foi curiosa durante a reunião da última segunda-feira a insistência com que esta coluna foi citada. Ao que parece, o comunicado oficial das eleições, publicado no Globo e no JB, não foi lido por quase ninguém do mercado. Por outro lado, ainda que para o desagrado de poucos, todo mundo demonstrava saber o que havíamos publicado na coluna. Essa é a importância da imprensa especializada.

MKTMIX MKTMIX

• PARABÉNS PRA VOCÊ - A Janela se abre para comemorar os próximos aniversários do mercado: Dia 25 (Hoje): Antonino Brandão (J. Walter Thompson); Dia 27: Hélio Rosas (SP); e Dia 29: Sérgio Machado (Artplan).
• QUALQUER NEGOCIO - Paulo Peres está agora como produtor associado na Zohar, dividindo com Carlos Paiva a responsabilidade por colocar pelo menos quatro filmes por mês na produtora, inclusive com orçamentos de baixo custo. A proposta da dupla é não deixar que filmes cariocas voem para São Paulo atrás de produções mais viáveis.
• MÍLVIO LARGA O PERU - O redator Mílvio Piacesi está de volta ao Rio, depois de passar dois anos no Peru dirigindo a criação da BBDO local. Mílvio quer ficar no mercado carioca e está procurando se recolocar em alguma agência daqui. Quem quiser contatá-lo pode deixar recado no telefone (021) 236-6978.
• ADIAMENTO - O debate sobre os problemas da produção carioca de comerciais, marcado inicialmente para o dia 29 foi adiado para não coincidir com a festa dos Profissionais do Ano, da Rede Globo. Agora, a discussão acontecerá dia 04 de setembro, a partir das 19 horas, no mesmo Centro Empresarial Rio.
• PARA DESCANSAR - O publicitário Oswalber Fernandes agora está na área turística. Ele abriu o empreendimento Bangalôs na Praia, em Caraíva, um vilarejo sem luz elétrica junto à reserva dos índios Pataxós no sul da Bahia e está se oferecendo para receber publicitários cariocas dispostos a passar seus dias de férias sem saber o que está acontecendo no mundo. Luís Loffler, da Denison, já esteve lá e aprovou. As reservas devem ser feitas pelo telefone de recados (073) 868-1142 e as correspondências enviadas para Cx. Postal 137 – Eunápolis - CEP 45825-000 - Bahia.
• CARTAS - Correspondências para a Janela devem ser enviadas para a Praia de Botafogo, 340 grupo 210, CEP 22250-040, telefone (021) 552-4141. Ou via Internet, pelo e-mail: Ehrlich@centroin.ax.apc.org.