Janela Publicitária    
 
  Publicada desde 15/07/1977.
Na Web desde 12/07/1996.
 
A Fenêtre é a cobertura da Janela Publicitária em Cannes, com o apoio da Proview em 2010.


 

24 de junho de 2010, quinta-feira

OUTRA VEZ
AlmapBBDO recebe o GP de Press
A galera da Almap recebendo seu GP
E pela terceira vez em nos últimos 7 anos, um GP de Press foi cassado em Cannes. Aconteceu em 2003, com a Leo Burnett Lisboa, em 2008 com a peça de Alka Seltzer e agora, com a Ogilvy México, com a peça para Scrabble que, curiosamente, foi inscrita no mesmo ano de 2008 e não levou absolutamente nada. Nem shortlist.
Sem contar as várias outras histórias de leões devolvidos nos anos 2000. De cabeça me lembro de três ou quatro.
Ontem, assisti a cerimônia de premiação justamente ao lado de um grupo de mexicanos, que estavam com bandeiras, preparando uma grande festa.
E já nas primeiras vezes que o mestre de cerimônias citou o nome do país, vuvuzelas eram ouvidas no Palais (essas cornetas dos infernos me perseguem!).
Ninguém que estava lá dentro, tirando, claro, a turma da Almap, os jornalistas brasileiros que souberam da denúncia mais cedo e provavelmente a alta cúpula da Ogilvy, sabia.
A organização do festival emitiu seu comunicado oficial sobre o assunto apenas 3 minutos antes da cerimônia. E ainda pediu que os jornalistas não se pronunciassem até as 21h30, ou seja, no horário da entrega do GP.
A decepção dos mexicanos foi notória, alguns estavam revoltados. Disseram que a peça já havia sido premiada em outros festivais, que não era fantasma.
Scrable-A, Ogilvy Mexico
Clique na peça para ver maior
Não teve jeito.
Curiosamente, o presidente do júri de Press, Mark Tutssel, começou o seu discurso dizendo que “o Mercado deixou de escrever, mas o público ainda gostava de ler”, numa clara mensagem à falta de anúncios de título e com texto no festival. Ironia do destino, a peça mexicana era um all type.
É uma pena para o festival que a sua segunda categoria mais tradicional tenha passado por tantos questionamentos. No ano passado, o GP “We Are Animals” não agradou ao público. Este ano, a continuação da mesma campanha, premiada com ouro não recebeu os aplausos do público, só o silêncio.
Para o Brasil, o que é importante é que a Almap, que não tem nada a ver com isso, só não será a agência do ano se um hecatombe acontecer.
E que conseguimos o nosso segundo GP da história, depois de mais de uma década. E mais uma vez, com Marcello Serpa.
A campanha de Billboard, aconteça o que acontecer com Titanium e Film, é a campanha mais premiada do festival e a mais premiada da história do Brasil no festival.
A outra boa notícia da noite foi que os meninos do Young Cyber faturaram mais uma vez a competição, mostrando que apesar do fraco desempenho nos Cyber Lions, temos futuro.
Antes de tudo isso, uma das categorias mais novas do festival, Design, se mostrou ligada às suas raízes e deu seu Grand Prix a um trabalho inovador de tipografia, feita por um carro, o Toyota IQ. A premiação mostrou mais uma vez a grande força dos japoneses nessa disciplina.
Mas na saída e mais tarde, nos bares, restaurantes, festas e no Martinez, o assunto foi um só: confusão em press…outra vez.
PÉ NA JACA, FOOT IN THE JAKE, PIED DANS LE JACQUE
Fabio Seidl na festa do YahooTeve esbórnia em todas as línguas ontem à noite em Cannes. Teve a festa francesa La Plage Courage (fui convidado, mas não tive coragem), a disputadíssima festa da produtora holandesa Massive (a fila era infinita e a maioria das pessoas que estava nela ficava horas dando ideia nos seguranças para entrar “na moral”), teve até festa indiana (para mim, inédito).
As rivais americanas Microsoft e Yahoo é que promoveram uma curiosa disputa, uma festa era na frente da outra.
A da Yahoo no terraço do bonito museu de fotografia de Cannes e a da Microsoft/Bing, na praia do outro lado da rua. Gol para a Yahoo, que já na porta colocou um stand de distribuição de havaianas, brindes e jabaculês.
Com tudo isso, o “after” no bar do Hotel Martinez ontem começou tarde.

A PÃO E ÁGUA, NÃO. A CROISSANT E PERRIER.

Nem todos os brasileiros vem aqui para zoar, alguns alias vão embora sem saber o que é isso. Os jornalistas brasileiros quanto mais leões o Brasil ganham, mais se ferram, ficam sem almoçar, sem jantar, sem dormir.
Olha a galera aí na sala de imprensa.

Marcelo Queiroz e Laís Prado Cláudia Penteado
Marcelo Queiroz (PropMark) e Laís Prado (CCSP) são dois que não param nem um segundo. E a Claudinha Penteado, do Jornal do Brasil, também fica ligada no fuso do Brasil e da França.
Mas ontem, terminada a premiação, os jornalistas partiram para uma confraternização no restaurante Arcimboldo, cujo dono de 77 anos é um personagem clássico da cidade.
Além de atravessar a fronteira com a Itália todo dia para comprar seus produtos, alega já ter dado um sapeca na Brigitte Bardot. É praticamente um Serguei (o jurássico cantor que jura que papou a Janis Joplin) da gastronomia.
As equipes da Editora Referência (jornal e site PropMark e revista Propaganda) e do Reclame/Multishow praticamente dominaram o local.

MOMENTO AMAURY JR INTERNATIONAL

Mark Zuckerberg e Fabio Seidl Rodrigo Fernandes e Fernando Freitas
Olha aí quem quis aparecer na Fenêtre. Mark Zuckerberg, criador do Facebook, que ontem recebeu o prêmio de “Media Person of the Year” no Palais. Depois da foto ele disse: “coloca lá na Janela! E se der, coloca também no Facebook.” Mark chegou e saiu de Cannes sem falar com uma palavra sequer com a imprensa. No Martinez, dois brasileiros do mercado húngaro curtindo a Riviera francesa. Rodrigo Fernandes, da DDB e o niteroiense Fernando Freitas, da Grey.
Rafael Genu e Rodrigo Burdman Felipe Rodrigues
Os amigos cariocas Rafael Genu (F/Nazca Rio) e Rodrigo Burdman (Fischer Portugal) se reencontrando na noite de Cannes. Felipe Rodrigues, da NBS, procurando os amigos no Martinez.
Jackie Cabral, Fernanda Fróes, Anna Luiza Pádua, Ricardo Saint Clair e Marcos Pedrosa Bruno Bertani e Ricardo Saint Clair
As amigas Jackie Cabral, Fernanda Fróes e Anna Luiza Pádua, da Luferela, com Ricardo Saint Clair, da Diálogo e Marcos Pedrosa, da CGCom. Olha aí o brinde da galera da Indústria Nacional e Diálogo por mais um leão que vai para a prateleira. Parabéns!
 
Pela manhã, a champagne por conta continua, no stand da Film Brazil. Olha aí o diretor Rodrigo Pesavento, da Zeppelin.  

ACCIOLY IS ON FIRE

Antônio Carlos Accioly
Passo na porta de uma Sex Shop 24horas. E quem está lá? The one and only, quero dizer o primeiro e vários: Accioly!
Ele, como bom produtor, jurou que era trabalho de pesquisa, que estava querendo ver uns filmes para pesquisar novos diretores, novas linguagens e tal.
Só que logo depois eu encontro o mesmo (ou seria outro) Accioly com as famosas Oncinhas de Cannes, Pascaline e Esméralda Petit. Força, Acci! Antônio Carlos Accioly, Pascaline e Esméralda Petit

CORRESPONDENTE SEM CORRESPONDÊNCIA

Vocês acham que é brincadeira quando eu digo que esta calúnia, ou melhor, coluna, é a mais mambembe do Festival. Pois notem que todo ano são oferecidas caixinhas de correspondência para os veículos. Assim, todos os dias eles recebem convites, releases e outros merequetês. Notem que a ÚNICA caixinha sem puxador é a da Janela. Ou seja, não entra nem sai nada de lá de dentro.
Pelo menos vocês ainda podem falar comigo e com o Marcio através dos emails: fseidl@ig.com.br e janela@janela.com.br

FALAM OS LEITORES

RAFAEL SIMI, Heads:
Fábio e Marcio,
Estou de férias, mas estou acompanhando a cobertura de vocês. Parabéns.
SEIDL RESPONDE:
Parabéns pra você, Rafa, que conseguiu estar de férias e não arrumar nada melhor pra fazer do que ler essas linhas estapafúrdias. É um feito inacreditável.

BRUNO RICHTER, Camisa 10:
Como sempre, irada a cobertura!
Ainda não tive tempo de ver as peças de Cannes na web. No sábado, vou ver com calma. Mas a porcaria da sua coluna, perco sempre meus 10 minutos diários nela.
Tá duc*r*lho Fábio. Legal mesmo.
SEIDL RESPONDE:
Dez Minutos! Parabéns, Bruno. Você é o leitor que mais tempo gasta com a gente. Favor se dirigir à sede da Janela Publicitária e buscar o seu diploma “Leitor do Ano”. O Marcio vai fazer um desconto para você. Obrigado, cara! Um abração!

VASCO CONDESSA, da DraftFCB Lisboa (sim, temos leitores além-mar) e de uma banda de blues/jazz que todo mundo deveria conhecer, o Soaked Lamb.
Fábio, meu grande ...............! O que tens feito ? Sempre a ............?
Imagino que sim, ou não fosses tu um ............ . Cá estou eu de novo a seguir a Fenêtre. É sempre bom reler os textos de um ........ como tu.
Como nos outros anos , estou a achar muito .......... . Os textos estão ........ E as fotos também são muito ........ . Sem dúvida, é um predestinado para a ...........
Se fores encontrando por aí o pessoal que já trabalhou por cá, manda-lhes um ........! Quando me lembro desses tempos penso sempre em ..........., ............ , nos .......... e nas ...........! Sinto ............. quando me lembro dessa galera que era tão ........... Eta, gente .........!
Olha , aproveita bem, faz muita .......... e que tenhas muitas .............. . Sempre a .............-te.
Um grande ............
PS - Os espaços preencho depois do Portugal x Brasil.
SEIDL RESPONDE:
Vascão, acho que sua seleção vai se f…der com o Brasil. E esse Cristiano Ronaldo é um v…adinho. Os espaços preencho depois do resultado também.

PRISCILA SERRA, Agência 3:
Estou trabalhando tanto que só hoje estou lendo sua coluna. E você ainda chama os leitores de desocupados!
SEIDL RESPONDE:
Pri, não é porque você foi a assessora mais elogiada do festival pela imprensa que aqui está que não tenha seus momentos de fingir que está trabalhando para ver bobagem na internet. Enquanto você lê estas baboseiras estava fazendo o quê? Nada, né?

Mario Barreto mandou esta foto dele aqui em Cannes. Mas pelo visto o cara está em outra dimensão. Cadê todo mundo, Mario?


A seleção que a Saatchi&Saatchi faz dos novos diretores de filmes chegou aos 20 anos e foi bastante concorrida.
A agência sempre surpreende o público com shows antes da sessão de filmes. Nestes 20 anos já rolaram pockets do Cirque de Soleil, do Fuerza Bruta e até uma orquestra regida pelo diretor Tarsem.
Este ano, preferiram homenagear o ex-diretor de criação Paul Arden, morto há 2 anos e que apresentou várias vezes a mostra. Criaram uma animação (perfeita) em 3 D do criativo que voltou do além para apresentar essa edição, para depois virar, literalmente, fumaça no final.
Confira alguns dos filmes mais bacanas que apareceram por lá. Curiosamente, só um deles é um comercial.

SAMIR MALAL, TROPICANA SUN: PATRICK JEAN, PIXELS:
DAVID FREYMONT, 70 MILLION SAMAN KESARVARZ, CINNAMON CHASERS
WHO-FU, TONE OF EVERYDAY:

E teve até brasileiro na seleção, os diretores paranaenses CARLÃO BUSATO (Paranoid) e MARLON KLUG (Corporação Fantástica) com ZERO GRAVITY

Você também pode conferir aqui a seleção completa, inclusive de filmes de animação que participaram de um concurso promovido pela Saatchi no YouTube em parceria com o portal bacanudo Animaboom:

http://www.youtube.com/user/NDS

É diversão garantida.

N.R.: O videoclip "70 million", da banda anglo-francesa Hold Your Horses já virou cult e gerou uma série de páginas na Internet sobre os quadros que são representados pelos músicos. Uma das mais interessantes é a página do site FlavorWire, que reproduziu os frames ao lado das pinturas originais. Infelizmente algumas poucas ficaram faltando, mas os leitores do site, nos comentários, complementaram. Vale assistir ao clip, testar sua cultura artística e depois conferir no FlavorWire. (Marcio Ehrlich)

O redator Fabio Seidl é o enviado especial da Janela em Cannes 2010.