• Morre Albano Alves, mídia, ex-Caio, Brasil América e Internad

    Albano Alves Filho

    Morreu de Covid-19 na manhã desta terça-feira, 04/05, o publicitário Albano Alves Filho, que comandou por 10 anos a mídia da agência Caio, nos anos 1970-1980. Albano depois passou pela Brasil América Publicidade (BAP) e foi sócio de Hayle Gadelha na agência Internad, com forte atuação na área política do Rio.

    Em 2012, Alves Filho resolveu se desligar da publicidade e mudou-se para Gramado, onde abriu seu Bistrô Casa Alves. Em 2017, com a chegada de Crivella à Prefeitura do Rio — onde sobrinho Marcelo Alves era presidente da Riotur — Albano se empolgou para voltar ao mercado carioca, assumindo a Diretoria de Marketing do Rio Convention & Visitors Bureau.

    Marcelo Alves disse sobre o tio: “Meu mestre, meu mentor , meu grande incentivador. Devo a ele minha profissão. Fica pra mim seu sorriso e alegria contagiosa”.

    Albano era irmão do também publicitário Aldano Alves — pai de Marcelo e Rafael Alves — e que, por muitos anos, atuou na área comercial da Editora Abril no Rio.

    Ele deixa a esposa Sônia Alves, as filhas Gabriela, Débora e Bruna Alves e netos.

    PUBLICIDADE

    Tupi FM.
    Marcio Ehrlich

    Marcio Ehrlich

    Jornalista, publicitário e ator eventual. Escreve sobre publicidade desde 15 de julho de 1977, com passagens por jornais, revistas, rádios e tvs como Tribuna da Imprensa, O Globo, Última Hora, Jornal do Commercio, Monitor Mercantil, Rádio JB, TV S e TV E.

    Envie um Comentário

    O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

    + 25 = 26

    Discussão

    1. Avatar ANTONIO ACCIOLY

      RIP

    2. Avatar Hygino Vieira

      Estou chocado com a notícia da morte de Albano Alves; um amigo muito fraterno, de muitas décadas.
      Hygino Vieira.

    3. Avatar Ângela Milet

      Muito sentida. Muiiiito
      nem sei se ainda tenho como sentir o que a Covid me tem levado.

    seta