Janela Publicitária    
 
  Publicada desde 15/07/1977.
Na Web desde 12/07/1996.
 

Janela Publicitária - Edição de 03/NOV/1978
Marcia Brito & Marcio Ehrlich

 

Janela Publicitária
Esta edição da Janela Publicitária foi publicada originalmente no jornal Tribuna da Imprensa.
O seu conteúdo foi escaneado e transcrito para ficar à disposição de consultas pela internet.


Rio poderá ter vice-presidente nacional na diretoria da ABA.

Carlos Chueiri e Gilberto Barros
Carlos Chueiri e Gilberto Barros: ida e volta?
Nesta última semana, a ABA - Associação Brasileira de Anunciantes convocou seus associados a inscreverem as chapas que concorrerão às próximas eleições para uma nova Diretoria-Executiva, substituindo a atual liderada por Carlos Roberto Chueiri. A inscrição se estenderá até 4 de dezembro, e as eleições se revestem de uma grande importância para o mercado, não só pelo papel desempenhado normalmente pelo anunciante, como pelo comportamento participante e questionante deste grupo nos últimos anos, em todas as atividades e problemas ligados à Propaganda.
No Rio, a ABA não chegou a se constituir como uma entidade física mais estruturada, restringindo-se, na prática a um Grupo de Trabalho composto por 6 ou 7 associados mais esforçados. Apesar disso, conta com uma Vice-Presidência exercida por Sigismundo da Rocha Spiegel, da Delfin-Rio -, e uma diretoria regional. Esta diretoria tem participado regularmente das reuniões nacionais, em São Paulo, enquanto no Rio está cuidando de ampliar os quadros da entidade. Segundo Rocha Spiegel, o Rio já conta com 28 anunciantes membros da ABA, sendo que 9 se associaram nesta última gestão, e outros três o devem fazer até o final deste mandato.
Para estas próximas eleições, a política interna da ABA ainda não está muito definida. Guilherme Castelo Branco, do Banco Nacional, e diretor da ABA-Rio, nos informou que surgiu em São Paulo a possibilidade de Norberto Isnenghi, da Ford, liderar a nova chapa da situação. Caso Isnenghi seja obrigado a desistir, devido aos inevitáveis envolvimentos de seu cargo com o trabalho em sua empresa (ainda mais agora que a Ford está em processo de mudança da residência), Gilberto de Camargo Barros, da General Motors, aceitará assumir a chapa para uma nova gestão na entidade.
Oscar José Santiago Lima
Oscar José Santiago Lima
Os anunciantes do Rio, porém, já estão começando a se mobilizar, no sentido de ter uma participação mais ativa nas iniciativas da associação. Para esta chapa deverão ser propostos (caso não recusem) vários nomes cariocas, como o de um representante de um anunciante sediado no Rio - Oscar José Santiago Lima (que já é diretor da ABA, no Rio), da Souza Cruz, para a Vice-Presidência Nacional. Além dele, também deverão ser propostos os nomes de Luís Lobo, do CBPE, para a Vice-Presidência-Rio, e de Carlos Eduardo Jardim, da Embratur e Wesley Marine, da Coca-Cola, para a Diretoria-Regional-Rio.
Como a chapa ainda não está totalmente definida, seria prematuro se falar em "plataforma eleitora!". Ainda assim, Oscar Santiago adianta que ela deverá seguir a tendência da luta iniciada na primeira gestão de Gilberto Barros, e continuada por Carlos Chueiri, ou seja, insistir na tentativa de contenção dos custos de veiculação compatível com níveis da Inflação, no controle dos preços dos serviços prestados pelas produtoras, na reformulação do critério ABA para níveis sociais e, entre outras coisas, estabelecimento de regras bem definidas no jogo entre o anunciante e a agência.
Oscar Santiago diz que, caso esta chapa venha a ser formalmente indicada para concorrer eleição, ela significará um fortalecimento muito grande do mercado do Rio, pois terá como uma das tendências propiciar o surgimento de um núcleo mais forte e atuante aqui, apto para agir até independentemente quanto aos problemas locais.
Quanto a chapas de oposição, ainda não se teve notícias da formação de nenhuma, apesar de que, como garantiu Castello Branco, serão democraticamente bem recebidas.

O que pensa o jovem brasileiro?

Jens Olesen e Vera Aldrighi
Jens Olesen, gerente geral da McCann e Vera Aldrighi, diretora de pesquisa
A McCann-Erickson apresentou no Rio, na última semana, os resultados de uma interessante pesquisa que realizou sobre o comportamento e o pensamento dos jovens brasileiros. O trabalho foi feito com a intenção de "verificar, e acompanhar, as tendências da parcela do público jovem que está à frente do mercado em termos de capacidade de consumo, aceitação de ideias e comportamentos". A pesquisa cobriu jovens entre 10 e 24 anos, residentes em grandes centros urbanos (São Paulo, Rio de Janeiro, Recife e Porto Alegre), em sua maiorias pertencentes às faixas sócio-econômicas de maior poder aquisitivo.
O estudo mostrou que os meios de comunicação exercem muita influência nos jovens. Os problemas nacionais mais apontados -- "custo de vida e poluição", "educação", "menor desamparado" e "problemas de gasolina" --, foram assuntos que, no momento, têm sido mais enfatizados por veículos de comunicação.
De 10 a 14 anos, a juventude ainda se encontra bastante dominada por valores da geração adulta, e ainda não começou a enfrentar situações que levam a um questionamento desses valores. A partir dos 15 anos, então, os principais motivos de preocupação do jovem estão entre: planejar o futuro, decidir a carreira, estar sempre sem dinheiro, sair ou não da casa dos pais, etc. Nesta fase há uma etapa de conflito, que o adolescente enfrenta na medida em que se vê em meio às contradições entre as pressões fora de casa, e as pressões familiares. E o que é importante, para a publicidade, as filhas já passam a impor os seus próprios valores, forçando os pais a uma certa modernização de atitudes. Quanto ao filho homem, apesar de receber da família uma maior liberdade de conduta, são projetadas sobre ele todas as esperanças de ascensão social, O estudo mostrou que, aos 15 anos, tanto rapazes quanto moças "já ensaiam algumas criticas à educação tradicional. Porém, ao contrário do sexo feminino, rapazes não se sentem vítimas desse sistema e não revelam sinais de conflito na vida familiar". Apesar de criticar a tradição, o jovem hierarquiza alguns atributos humanos necessários à felicidade individual, parecendo tentar separar valores essenciais, como a boa formação moral e a responsabilidade social, dos valores superficiais como ser gentil, prestativo, rico ou bonito.
Tanto para o sexo masculino quanto para o feminino, os 20 anos inauguram a afirmação da maturidade. Começam a valorizar comportamentos como a vida fora da casa dos pais, a realização através do trabalho, as viagens de estudo, experiência e formação profissional: ser adulto implica numa preocupação em refletir sobre as próprias perspectivas de vida, em redefinir o papel e os objetivos sociais.
A pesquisa incluiu também uma discussão sobre a Propaganda. Na visão do mundo dos jovens de 20 anos, "propaganda está incluída como responsável por efeitos desastrosos: as classes sociais menos favorecidas são vítimas da imposição de valores estrangeiros e de um consumo supérfluo e prejudicial". Mas a pesquisa, também demonstra que existe um reconhecimento de que a consciência critica não os imuniza contra os apelos publicitários. 90% dos jovens acha que "a propaganda até que é bem divertida na maioria das vezes", 80% considera os anúncios "úteis para dar ideia do que comprar", 65% acham que "a propaganda faz as pessoas comprarem o que não querem" e 66% que "a propaganda aumenta o preço dos produtos”. Ainda assim, "há uma certa disposição para aceitar uma reabilitação da Propaganda através de novos valores como a humanização, a nacionalização e o respeito ao consumidor".

Quais serão os melhores do ano na festa da ABP?

A ABP já distribuiu 1000 circulares a seus sócios com o questionário para a tradicional escolha dos Homenageados 1978 da entidade. Os itens são: Publicitário e Agência do Ano, e Destaques em Mídia, Produção Gráfica. Produção Audio-Visual, Criação, Contato de Veículos e Contato de Agência.
Paulo Roberto Lavrille, presidente da ABP, está contando com que a classe se manifeste maciçamente, "para que os escolhidos representem, realmente, o consenso dos profissionais do nosso ramo". Quem não votar, depois não pode reclamar...
Não esqueçam que as fichas devem chegar às mãos da ABP até o dia 20 de novembro, no novo endereço, Rua do Acre nº 77/12º andar (Labor Publicidade), a/c D. Leila Maria Duarte.
Nossos votos já decidimos: serão para X45m$u%% et! M"ç6k/:?.. eslposçlucx kIspamn u wqlsk!!

Seleção da Janela

Em virtude dos feriados, e suas emendas, a Seleção da Janela fica acumulada para a próxima semana.

É hoje só para o concurso de cartazes.

Encerram-se hoje as inscrições para o III Concurso Nacional do Cartaz de Cinema, que premiará os melhores trabalhos criados para o filme: "Harlan County ­ uma tragédia americana" . O Clube de Criação do Rio está sugerindo aos profissionais que não tiveram tempo de fazer suas inscrições no Banco, que incluam os 100 cruzeiros da taxa no envelope de identificação, para facilitar.
E amanhã, às 10 horas, na cabine de cinema do Hotel Meridien, estará reunido o júri do III Concurso. Estes são os seus membros: Pedro Galvão (Presidente do Clube de Criação do Rio), Jarbas José de Souza (Presidente do Clube de Criação de São Paulo), Neil Ferreira (redator da DPZ-SP), José Monserrat (redator da Caio-Rio), Alberto Shatowsky (diretor da Art-Filmes), Alcides Fidalgo (diretor de criação da SGB-Rio), Ivânio Cunha (programador visual do BNDE e diretor do CCRJ), Armando Ferrentini (colunista de Asteriscos-SP), Marcio Ehrlich (colunista de Janela Publicitário-Rio), Fernando Reis (de Meio & Mensagem-SP), Hector Tortolano (diretor de arte da Integral), Klaus Isnenghi (diretor de criação da Thompson-SP), Pierre Rousselet (diretor de arte da Standard-SP), Ângela Santoro (presidente do Clube de criação de Minas) e Sérgio Mercer (presidente do Clube de Criação do Paraná).

Atenção Estudantes de Comunicação.

Alunos de jornalismo e relações públicas que estejam interessados em estágio podem ligar para estes colunistas pelos telefones 286-4876 e 246-1817.

Brainstorming • Brainstorming • Brainstorming

A Souza Cruz vai lançar este mês uma grande jogada de merchandising: no relançamento do disco com a música "The Closer I get to you", cantada por Roberta FIack, - tema do último comercial de Luís XV - a capa será uma reprodução da embalagem do cigarro.
• • •
A Jotaé acaba de ganhar uma concorrência - da qual participaram 5 agências -, para uma campanha nacional do Ministério da Agricu1tura. A verba da campanha, até onde se sabe, será superior a 4 milhões.
• • •
"A felicidade está junto de quem tem Cortina Tergal". Que lindo! "E liberdade é uma calça velha, azul e desbotada". "E dinheiro não é tudo na vida: ainda tem joias, diamantes, iates, carrões e Benson & Hedges". "Viver bem é morar bem". "E o importante é ter Charme". É... O poeta popular é que estava certo: que me importa que a mula manque. O que eu quero é rosetar.
• • •
A Gerência de Marketing da Shell continua sob a responsabilidade de Renato Jardim Moreira, daqui do Rio. Luciano Nieri, que se desligou da Pepsi, segundo notícia na coluna "Asteriscos", foi para um setor da Shell em São Paulo. O Departamento de Comunicações da empresa, no Rio, entretanto, até o fechamento desta coluna não havia recebido qualquer informação oficial a respeito.
• • •
A Esquire conquistou as contas do Coppertone e da Ancora (antiga Companhia Brasileira de Centros Comerciais), formada pela construtora Ecisa, por Ancar (do grupo Sérgio Carvalho) e pela Montreal Participações.
• • •
Com a saída de Luciano Nieri da Gerência de Marketing da Pepsi, o cargo passa a ser ocupado por Roberto Bica, assistido por Jorge Belizze e Paulo Bertoni. Segundo Paulo, a mudança não afetará os trabalhos que estão desenvolvendo a MPM e a Lintas, agências que atendem a Pepsi.
• • •
• A Ipiranga - empreendimentos imobiliários, que era atendida pela Caio, deixou de ser anunciante. Agora, a empresa só fará incorporações, e seus planejamentos de marketing e de vendas ficarão a cargo da recém-criada Tecnilar, que tem em Walmir Ferreira (ex-gerente de marketing da Ipiranga), seu Diretor-Presidente. A Tecnilar entregou sua conta a JVS.
• • •
Nonato Pinheiro assumiu a direção comercial da TV-Bandeirantes, no Rio, substituindo a Irapuan Dias de Albuquerque.
• • •
Nesse último filme da ARP, para o extensionista da Embratel, só no fim é que se descobre não ser um anúncio cooperativo com a Volkswagen: Tem um fusquinha amarelo que aparece em quase todas as tomadas, estrategicamente destacado. É a ARP fazendo (ou aceitando) merchandising.
• • •
A APT de Alfredo Rosa Borges Palhares e Hector Tortolano - e que já foi KPT na época de Laurence Klinger -, desfez sua associação com a J. W. Thompson de São Paulo e fundiu-se coma Integral, assumindo o nome desta última. PT, saudações.
• • •
A Lintas está abrindo um escritório em Dubai, no Oriente Médio, alcançando cerca de 16 países daquela região. O presidente desta nova sede será Samir Fares, que esteve no Brasil esta semana, participando do Ciclo de Estudos do Grupo Atendimento.
• • •
Dia 15 de dezembro o Clube de Criação do Rio estará realizando novas eleições para sua diretoria. Isso vai dar muito assunto.
• • •
As revistas Propaganda e Marketing estão implantando um novo sistema de distribuição de assinaturas, e que não permitirá falhas nas entregas. Todo assinante receberá mensal antecipadamente seus exemplares.
• • •
Um "Curso de Gerência para Presidentes", destinado a altos executivos, será realizado de 27/11 a 1/12 no Meridien Hotel, no Rio. A promoção do "Management Center do Brasil" e trará, dos EUA, 19 autoridades em administração de empresas para atuar como Professores. Quase 200 empresários brasileiros já fizeram este curso, e entre eles, Petrônio Corrêa (da MPM) e João Luís da Silva Faria (da Esquire). O preço será de 26 mil cruzeiros e informações são conseguidas à Av. Paulista, 1765/11º - São Paulo, ou pelo telefone 284-8211.
• • •
Mudou de nome novamente a revista "Comunicação e Relações Públicas", editada por Sarah e Ana Lucia Campos, e Ivonildo de Souza. Agora ela se chama apenas "Relações Públicas" e tem como subtítulo "Comunicação - Marketing ­ Publicidade". Apesar de ter recomeçado a contagem de Ano I, nº 1, este novo número (data de capa: setembro) não alterou Sua linha editorial, e sequer comenta a mudança.
• • •
O redator Jorge Gomide desligou-se da L&M, e assume segunda-feira na CosCom-Grant.
• • •
Benildes Sampaio Viana (ex-Salles) assumiu o departamento de mídia da Garden, e a redatora Ed,. Costa Oliveira o diretor de arte Marco Antônio Rebelo (ex-JP&S) são a nova dupla de criação da agência.
• • •
Aroldo Araújo já tem redator novamente: Márcia Browne (ex-Norton).
• • •
Se a gente não quer que projetos como o Lindoso e o Camata sejam aprovados, temos que lutar violentamente contra comerciais picaretas como este último de um produto picareta chamado "Cenoura Bronze". Pois não é que, descaradamente, abusando da ignorância a que grande parte de nossa população está metida, é sugerido que não é preciso comer cenoura, e que basta passar Cenoura Bronze na pele para garantir sua beleza. Claro, para que comer um alimento natural? Pra que ingerir caroteno (pró-vitamina A) no próprio vegetal? Depois, todos nós tomamos Vitassay! Viva! Viva!... Dá até vontade de sugerir aos responsáveis pelo comercial que usem a cenoura pra... deixa pra lá.
• • •
Não explicamos por que o anúncio e o produto são picaretas? Bem, não só cenoura, não tem nada que ver com o bronzeado da pele, como é ridículo se falar em absorção cutânea de beta-caroteno ou de vitamina A. É no trato gastro-intestinal que a absorção útil se processa.
• • •
A Jotaé tem novo redator: Hermínio Naddeo (ex-CosCom-Grant), Naddeo veio substituir Marcelo Silva que foi para a CBBA.
• • •
A Revista Bolsa está promovendo mais um Concurso de Capas, para sua edição especial sobre "A Economia de Minas Gerais". Na promoção também colaboram o Clube de Criação de Minas Gerais e a Associação Mineira de Propaganda. Interessados poderão obter o regulamento na sede carioca da Revista da Bolsa, à Praça XV de Novembro, 20-9º andar, ou na Sucursal mineira, à Rua dos Carijós, 126 - S.1 - Belo Horizonte - Minas Gerais.
• • •
João Carlos Matano (ex-Thompson, ex-Unidade SP) é o novo Diretor de Arte da Salles, João Carlos vai fazer dupla com Fábio Siqueira.
• • •
A Coroa S.A. - crédito, financiamento e investimentos, inaugura no próximo dia 7 uma filial à Rua Espirito Santo, 629 - Belo Horizonte - MG. Inaugurar uma filial em Belo Horizonte "é resgatar uma dívida de confiança que Minas Gerais há muito deposita em nó", diz o convite.
• • •
A McCann está lançando para a Coca-Cola o novo refrigerante ''Fanta Limão". A campanha por sinal muito bonita - foi criada pela dupla Sérgio Lima/Antônio Maioral; a produção eletrônica foi de Ricardo Guinsburg e a produção gráfica de Pedro Aurélio.
• • •
José Zaragoza, o Z da DPZ, foi um dos supervisores de criação mais premiado no FIAP 78, realizado recentemente em Barcelona, Espanha. Sua equipe faturou 5 prêmios: um Grand Prix, um primeiro lugar e três segundos lugares. É a Europa se curvando ante o Brasil. Pelo menos na Propaganda...
• • •
As revistas Antenna e Eletrônica Popular, da editora Antenna estão com interessante stand na VI Rio Export Fair, mostrando kits eletrônicos feitos a partir de matérias das revistas, e demonstrando o uso da faixa cidadão. além de uma completa estação rádio-transmissora.
• • •
Otto Scherb, Marco Aurêlio Veloso, Roberto Mena Barreto e Alberto Djinishian, já confirmaram presença no I Encontro de Criatividade, que será realizado, de 6 a 10 de novembro em Belô. A promoção é da Associação dos Profissionais e Empregados em Agências de Propaganda e Associação Mineira de Propaganda.
• • •
Cristina Bandeira é a nova repórter da "Janela".
• • •
Robert Rosset, gerente da Shell na área de contratos de risco, dará uma palestra sobre este assunto no dia 6, no I Congresso Brasileiro de Petróleo, que se realizará no Hotel Nacional-Rio, de 6 a 10 de novembro.
• • •
A Rádio Clube de Passa Quatro (MG) mudou de nome: agora chama-se RADIO MINEIRA DO SUL, operando com a potência de 1.000 wats e na nova frequência de 920 Khz.
• • •
A Sul América de Seguros recebeu uma carta da Coordenação de Ensino do 1º Grau do Rio de Janeiro solicitando o envio de 2000 cópias do anúncio institucional "Criança dos 8 aos 80", veiculado pela Salles no dia 12/10/1978, Dia da Criança.
• • •
O Dr. Mateus Vasconcelos, diretor dos Laboratórios Sarsa, receberá o titulo de Cidadão do Estado do Rio de Janeiro no próximo dia 6, na sede do Sindicato da Indústria dos Produtos Farmacêuticos.
• • •
Não deixem de ler, aos domingos, a "Janela do Rio", a seção carioca de Asteriscos, no Diário Popular, de São Paulo. Falando nisso, o endereço para correspondências é Rua Barão de Itambi. 7/605 ­ - Flamengo - Rio - CEP 22231 - RJ. Os telefones são 286-4876 e 246-1817.