Janela Publicitária    
 
  Publicada desde 15/07/1977.
Na Web desde 12/07/1996.
 

Janela Publicitária - Edição de 13/AGO/1999
Marcio Ehrlich

 

Esta edição da Janela Publicitária foi publicada originalmente no jornal Monitor Mercantil.
O seu conteúdo foi escaneado e transcrito para ficar à disposição de consultas pela internet.

Abracomp abre inscrições para o Colunistas Promoção

A Abracomp está lançando este fim-de-semana a 18ª versão de seu Prêmio Colunistas Promoção, para escolher os melhores trabalhos brasileiros de Marketing Promocional do biênio 1998/1999. Estarão em julgamento trabalhos como eventos, ações em ponto de venda, designs de embalagens, displays, enfim, tudo aquilo que também ganha o nome de non-advertising ou bellow-the-line.
Repetindo a experiência bem-sucedida no ano passado, para garantir o alto nível técnico do julgamento, a Abracomp mais uma vez estará convidando profissionais de Marketing de grandes empresas anunciantes para participar do júri juntamente com os membros da Abracomp. Além disso, as estratégias adotadas e os resultados alcançados continuarão sendo bastante valorizados no julgamento, a partir dos históricos que deverão ser apresentados pelas agências junto com seus trabalhos.
A novidade do prêmio, este ano, é que não serão distribuídos kits impressos para a inscrição. Todo o material necessário para participar do Prêmio Colunistas Promoção 98/99 estará disponível no site do Prêmio Colunistas, em http://www.colunistas.com: o regulamento do concurso, a relação de categorias e os formulários para ser preenchidos e entregues no ato da inscrição.
O Prêmio Colunistas Promoção 98/99 será realizado em duas fases: o V Prêmio Promoção Rio, para inscrições de trabalhos de empresas e profissionais sediados no Rio de Janeiro, e o XVIII Prêmio Promoção Brasil, para inscrições de trabalhos de empresas e profissionais dos demais Estados do País e para os trabalhos ganhadores de Medalhas de Ouro no V Prêmio Promoção Rio. Poderão concorrer trabalhos de Marketing Promocional que tenham sido realizados no período entre 1º de Janeiro de 1998 e 31 de Agosto de 1999.
As áreas de julgamento não mudaram desde o ano passado. Os trabalhos serão divididos em Cases de Marketing Promocional; Marketing Direto; Ações e Materiais de Ponto-de-Venda; Ações e Materiais Promocionais e, finalmente, Design Promocional e Embalagem. Cada uma destas áreas se divide em diversas categorias, cuja relação completa pode ser encontrada no site do Colunistas.
No Rio de Janeiro, as inscrições devem ser feitas na Dinâmica Promoções. Quem quiser mais informações deve entrar em contato com Priscila Franco, pelo telefone (21) 537-8180 ou pelo e-mail dinamicapromo@domain.com.br.

Ponto de Venda terá evento e premiação em São Paulo

O capítulo brasileiro do Popai-Point of Purchase Advertising Institute está lançando também o seu prêmio, exclusivo para peças de merchandising em ponto-de-venda. O concurso fará parte da programação do evento "O PDV no Marketing Mix", que acontece de 30 de agosto a 1 de setembro em São Paulo sob a organização da ABA-Associação Brasileira de Anunciantes.
Na programação do evento estão previstas tanto palestras como "Vendendo para Jovens", apresentada por Luciano Huck, quanto apresentação de cases como o das lojas interativas de "O Boticário", pela própria gerente de planejamento da empresa, Elisabete Furtado.
Para participar da premiação e do evento "O PDV no Marketing Mix", os interessados devem solicitar a ficha de inscrição ao POPAI, pelo telefone (11) 284-0831 ou à ABA, pelo telefones 0800-12.4588 ou (11) 283-4588.

ABMN vai destacar os melhores cases de marketing de 98/99

Vão até 30 de setembro as inscrições no prêmio "Destaque no Marketing", promovido pela ABMN-Associação Brasileira de Marketing e Negócios. Podem concorrer cases em 8 categorias: Produtos; Serviços, Empresa de Telecomunicações; Cultura, Lazer, Entretenimento; Design; Marketing Institucional; Marketing Digital; e Marketing Promocional, sendo que em cada uma delas poderão ser concedidos até 3 prêmios.
O regulamento da premiação está disponível no site da entidade, em www.abmn.com.br, devendo os cases corresponder a estratégias desenvolvidas entre setembro de 1998 e agosto de 1999.
A entrega dos prêmios já está marcada. Será dia 19 de novembro, no Hotel Inter-Continental.

Rumos da eleição do CCRJ continuam indefinidos

Às vésperas da eleição da nova diretoria do Clube de Criação do Rio de Janeiro, marcada para esta segunda-feira, 16, na Churrascaria Estrela do Sul, e sem ter sido possível realizar o debate aberto entre candidatos e associados do CCRJ, não há quem possa garantir o que vai acontecer. Desestimulados pela falta de interesse dos profissionais de criação cariocas pela disputa — até hoje não ultrapassou de 200 o número de criadores que se recadastraram para votar —, os dois candidatos à presidência do Clube voltaram a conversar sobre uma possibilidade de acabar com a divisão de forças e, atendendo a uma tese que tem sido levantada por diversos criadores que não participam de nenhuma das duas chapas, fortalecer o mercado através de uma junção dos dois grupos.
Esta semana, na Janela-Net, o candidato Paulo Castro mais uma vez se manifestou contra críticas que surgiram no mercado, considerando as mensagens eleitorais dos dois candidatos "sem criatividade".
A seguir, o texto de Paulo Castro, publicado com a autorização do candidato:

"Eu queria fazer uma pergunta. Se alguém fosse começar a administrar uma empresa falida, sem patrimônio, sem credibilidade e sem nenhuma representatividade, como seria o discurso? Engraçado? Divertido?
Pois é a mesma coisa em relação ao Clube. E concordo. Acho também muita coisa triste, sem graça e sem criatividade em relação a essas eleições.
Acho triste a data da eleição ter passado e ninguém ter se lembrado. Alguém consegue imaginar isso numa disputa de prefeito? De vereador ? Nem de grêmio estudantil acontece isso. Triste é quem se eleger assumir um clube completamente abandonado. Tão abandonado que o meu amigo André conseguiu registrar o nome CCRJ para o seu site.
Acho sem graça o CCRJ ter afastado as pessoas que ajudam o clube a acontecer: os produtores, fotógrafos e toda a galera que faz como ninguém parte da nossa Criação.
E acho completamente sem criatividade e covarde ficar criticando a eleição, sem que antes, ninguém tenha levantado a voz contra a falência do nosso Clube nesses dois anos.
Enquanto a gente fica discutindo, rachando, levantando bolas que não ajudam a construir nada, os outros mercados no resto do Brasil vão muito bem obrigado. Até Brasília já tem o seu Clube e está fazendo o anuário. O Rio já viu em muitas áreas que estava ficando para trás. No futebol, conseguiu fazer um campeonato decente. Na cultura, estava fazendo de tudo para voltar o tempo perdido. Enquanto isso no CCRJ .. Ficamos discutindo o sexo dos anjos, nos acusando o tempo todo e imaginem só, achando que precisamos brigar! Para esquentar a eleição. Já falei várias vezes. Precisamos do Clube não para alavancar nomes. Até porque como já disse também, em nenhuma das duas chapas, ninguém precisa disso. Estamos nessa porque juntos, seremos mais fortes. Juntos, poderemos fazer valer mais nossas vontades. E juntos poderemos fazer ficar mais forte o nosso negócio. Afinal de contas, eu e muita gente quer continuar aqui nessa cidade maravilhosa. Fazendo mais forte nossas agências, nossas equipes, nossos clientes e principalmente nossos salários."
(Paulo Castro)

MKTMIX

* PARABÉNS PRA VOCÊ - A Janela se abre para comemorar os próximos aniversários do mercado:
13/08, Sexta-feira: Marlene Fuchs;
14/08, Sábado: Janaina Pereira (Redatora da Zapt)
16/08, Segunda-feira: Neper Dimas de Oliveira (Sima), Raul Fernandes (Diretor de Arte da J.Walter Thompson), Névio Huebra (Diretor de Arte da Genesis), Tânia Regina (Diretora de Mídia da Casa da Criação);
17/08, Terça-feira: Luzia Canepa (Supervisora de Contas da Fischer América);
19/08, Quinta-feira: Fábio Fernandes (Dir.Presidente da F/Nazca S&S), Paulo Cezar Costa (Redator da V&S);
* DANDO UM TEMPO - Depois de dois anos como associado na produtora de comerciais Yes, Antônio Carlos Accioly está deixando a direção comercial da empresa, ainda sem definição de destino.