Janela Publicitária    
 
  Publicada desde 15/07/1977.
Na Web desde 12/07/1996.
 

Janela Publicitária - Edição de 17/MAR/2000
Marcio Ehrlich

 

Esta edição da Janela Publicitária foi publicada originalmente no jornal Monitor Mercantil.
O seu conteúdo foi escaneado e transcrito para ficar à disposição de consultas pela internet.

Anunciantes espanhóis decidem recomendar que agências sejam pagas em concorrências

A situação é corriqueira na publicidade. Uma empresa privada, cuja verba de comunicação nem mesmo os seus diretores conseguem precisar ou garantir que será utilizada integralmente, convida para uma concorrência uma meia dúzia de agências de perfis os mais diversos, colocando lado a lado na disputa uma multinacional, uma butique de criação, duas ou três agências médias e algumas tão pequenas e desconhecidas que mesmo os jornalistas especializados na área jamais ouviram falar. Um sintoma claro de que os profissionais de marketing do anunciante atiraram para todos os lados por não terem certeza do que estão procurando.
Se depender dos espanhóis, esse tormento, que é um dos maiores das agências de publicidade, se não acabar pelo menos diminuirá sensivelmente. Numa atitude que bem mereceria ser imitada pelas brasileiras ABAP e ABA, as associações espanholas de agências de publicidade e de anunciantes se reuniram para definir uma série de recomendações — que estão sendo publicadas e distribuídas para seus associados — a ser aplicadas nos relacionamentos entre agências e anunciantes, começando pelo delicado processo de como selecionar uma agência.
Na determinação mais inovadora do processo, as duas entidades sugerem que a partir de agora, os clientes espanhóis paguem pelo trabalho que as agências que não conquistaram a conta tiveram para participar da disputa. A Associação Espanhola de Anunciantes reconhece que o trabalho das agências vale dinheiro, razão pela qual as participantes devem ser remuneradas de forma razoável.
Um dos objetivo da recomendação, dizem as entidades, é fazer com que os anunciantes tenham maior critério nos convites formulados às agências de publicidade, chamando apenas aquelas que estejam de acordo com o perfil desejado. Tanto as lideranças dos anunciantes espanhóis como das agências acreditam que é suficiente para um bom processo de seleção que sejam convidadas no máximo 3 agências, permitindo uma quarta apenas no caso de a agência atual do cliente também apresentar trabalhos.
O documento — cuja integra pode ser consultada a partir do link da Asociación Española de Agencias de Publicidad no site da Janela, em www.janela.com.br — recomenda que a remuneração a ser estabelecida pelo anunciante seja igual para todas as participantes da concorrência. Este valor deve ser o suficiente para motivar as agências a investirem na disputa, o que, na opinião dos espanhóis, o definiria como na faixa de 500.000 pesetas, o correspondente a cerca de R$ 5.800,00, um valor que, se não cobre todo o investimento que uma agência séria faz em pesquisas, hora/homem e na produção de materiais para apresentar ao seu prospect, pelo menos funciona como compensação moral pelo esforço realizado.
No Rio, o presidente do capítulo carioca da Abap, Arnaldo Cardoso Pires, considerou a proposta "interessantíssima", e garantiu que estará levando o tema para a próxima reunião nacional da entidade. Segundo ele, o dispêndio mínimo de uma agência em uma concorrência está em torno de R$ 7.000,00 e uma alternativa que serviria para calcular o valor da remuneração a ser recebida pelas agências seria um percentual sobre a verba anunciada pelo cliente, para que os investimentos da agência pudessem ser proporcionais ao tamanho da conta disputada.

Giannini aceita o desafio de dirigir a criação nacional da Salles D'Arcy

Marcelo GianniniDepois de resistir por muito tempo para não ter que deixar o Rio de Janeiro, o diretor de arte Marcelo Giannini, que vinha comandando a criação carioca da Salles D'Arcy, acabou aceitando o convite da agência para assumir a sua direção nacional de criação. Marcelo, que já foi o Profissional de Propaganda do Ano do Colunistas-Rio pelo seu trabalho à frente daquele departamento, teve este ano o reconhecimento nacional ao seu talento pela confirmação do seu nome para ser o jurado brasileiro no festival de filmes de Cannes, que acontece no próximo mês de junho.
Com a promoção de Giannini, seu dupla e braço direito, o redator Rodolfo Sampaio, passa ser o novo diretor de criação do escritório carioca da Salles D'Arcy.

Vésper aumenta presença no Rio e W/Brasil tira Laís da Propeg

Laís Chamma, que foi coordenadora do pool de publicidade da Telemar e passou para o atendimento da conta na Propeg depois que o pool foi desfeito, está levando o seu conhecimento no mercado de telefonia para a W/Brasil. Ela foi contratada pelo escritório carioca da agência para cuidar da conta da Vésper, que já está causando reboliço no mercado carioca com os investimentos que está levando a agência de Olivetto a realizar. Um dos trabalhos de impacto que a W está veiculando são os novos outdoors da Vésper, em formatos inusitados — este colunista já viu uma estrela e um oval — para mostrar que a empresa é diferente das outras da área de telefonia.

Shell comunica presença na F1 com campanha da Thompson-Rio

A J.Walter Thompson-Rio lançou esta semana a campanha da Shell dedicada ao Grande Prêmio de Fórmula 1, veiculando nas TVs do Rio, São Paulo e Campinas o filme "The Wave" que explora a parceria da Shell com a Ferrari. A superprodução tem o Mar Morto e o deserto de Jafir na Jordânia como cenário, e será veiculado até dia 26, quando será disputado o Grande Prêmio.
Com um investimento de US$ 1 milhão, incluindo a direção de Barry Glaizer, o mesmo do documentário premiado Bazooka, a Shell comunicará sua participação no GP também com ações promocionais. Duas réplicas perfeitas (mas sem motor) do carro que Rubinho Barrichelo está pilotando foram colocadas em exposição em postos do Rio e São Paulo. Além disso, serão distribuídos em todos os postos da rede Shell um milhão de adesivos com o slogan "Eu vou com Rubinho". E até o dia 25, quem abastecer com o lubrificante Shell Helix em todo o país recebe uma raspadinha para concorrer a uma das 96 mil disputadíssimas miniaturas da Ferrari. Em São Paulo e Campinas o premiado concorrerá a 2 mil ingressos para o Grande Prêmio.
A campanha também faz a promoção "Shell leva o carioca para a Fórmula 1". Até o dia 17, quem abastecer num posto Shell no Grande Rio e pagar com cheque eletrônico, estará concorrendo a um dos 10 pacotes Formula 1 - duas passagens aéreas, hospedagem e ingressos para o Grande Prêmio Brasil de Formula 1 que acontece dia 26 de março, no Autódromo de Interlagos, São Paulo.
O comercial "The Wave" foi criado por Richard Saunders & Peter Celiz e Bob Gueiros, tendo no atendimento Fernanda Galluzzi e na aprovação, pelo cliente, Américo Campos Silva.

Presidente mundial da McCann-Erickson vem comemorar aniversário da agência

Jim HeekinPara comemorar os 65 anos da McCann Brasil, está chegando ao Rio na próxima terça o novo Presidente e CEO da McCann-Erickson Mundial, Jim Heekin, que realiza sua primeira viagem no cargo. Esta é também a primeira vez que ele vem à América Latina, aproveitando para, em seguida, conhecer os escritórios da Argentina e México, países que estão sob a coordenação de Jens Olesen.
Na própria terça, Heekin concede entrevista na sede da McCann-Rio.

Ecos do Carnaval

Não faltaram publicitários no Camarote da Brahma este ano, festejando o desfile das campeãs. A Janela estava presente e fez o registro.

Nizan Guanaes e José Vitor Oliva no Carnaval 2000 Carlos Paiva, Mônica Orlandini e Bárbara Pereira André Pellenz
Alheios às notícias da imprensa sobre uma disputa entre os camarotes da Brahma e da IG, seus dois organizadores, Nizan Guanaes e José Vítor Oliva encontraram um momento de confraternizar, durante uma visita do baiano Nizan ao camarote da cervejaria. André Pellenz, da produtora Trinta, não brincou sozinho e mostrou várias vezes que era bom de samba no pé. Como a noite era de confraternização, não havia concorrência. Está aí Carlos Paiva, diretor da produtora Zohar, posando especialmente para a Janela acompanhado das foliãs Mônica Orlandini e Bárbara Pereira, da produtora CaradeCão.




MKTMIX

* PARABÉNS PRA VOCÊ - A Janela se abre para comemorar os próximos aniversários do mercado:
17/03, Sexta-feira: Beto Macedo, Donald Jhin, Juan Vicente (Dir.Presidente de Operações da JVA),Valter Hermann (Diretor de Atendimento da GCO/Promag);
18/03, Sábado: João Paulo Pereira (Diretor de Arte da DPZ), Maria Luiza Barbosa, Marco "Gaúcho" Ferreira (Redator da McCann Erickson);
19/03, Domingo:
Felipe Rodrigues (Redator da Contemporânea), Francisco Barboza Jr. (Locutor), Alexandra Pilli (Gerente de Contas da Ronson), Luciana Accioly Veloso (Atendimento da Genesis);
20/03, Segunda-feira: Leonardo Laginestra (Diretor de Contas da DPZ), Robson Reis;
21/03, Terça-feira: Fernando Mothé (Diretor de Operações da Publinews), Gustavo Bastos (Diretor de Criação da 100%), Paulo Castro (Diretor de Criação da V&S), Eduardo Pedreira (Dir.de Atendimento Grupo III da Giovanni,FCB);
22/03, Quarta-feira: Ângela Milet (Dir.Atendimento e Planejamento da Contemporânea), Elóy Simões;
23/03, Quinta-feira: Carla Magessi (Executiva de Contas da McCann Erickson), Meke North (Vice Presidente de Mídia da McCann Erickson);
* CAINDO NA REDE - Anthony Talbot, diretor da Doctor, acaba de voltar dos Estados Unidos, onde participou da Conferência de Web Marketing promovida pela Associação de Marketing Direto daquele país. A agência acredita que a atualização dos seus executivos nas novas tecnologias da Internet é da mais alta importância para que ela possa tomar algumas decisões estratégicas no uso desta nova ferramenta para a conquista de consumidores para seus clientes. Tanto que, além de Talbot, a Doctor levou para o evento Anderson Cardoso, responsável pela área de investimentos de marketing na Internet do Banco Boavista.
* PRODUTORAS - Anna Böhm, ex-Talent, é a nova coordenadora de RTVC contratada pela Fischer América em São Paulo. Ela vem da Ilimitada Produções Cinematográficas e da Talent Comunicação, onde ficou durante os últimos 6 anos.
* AULA DE CLIQUE - O fotógrafo carioca Ayrton Camargo — que soma no seu currículo já ter trabalhado com Jacques Cousteau — começa dia 22 de março um curso de 8 aulas sobre Fotografia Publicitária na nova Escola de Fotografia Visual Arts, que fica no Downtown, na Barra da Tijuca, Rio. Ayrton vai ensinar desde "como elaborar layouts" até como fazer o "marketing do fotógrafo", tudo passando pela prática. Informações podem ser conseguidas no site www.visualarts.com.br ou pelo telefone (21) 494-5250.
* TREM BÃO - A SuperVia, empresa responsável pela concessão dos trens urbanos no Rio de Janeiro, decidiu entrar também na era do merchandising, como já o fez o Metrô carioca. O presidente da concessionária, Paulo Bello, recebeu ontem o mercado para um jantar no qual anunciou a criação da divisão SuperVia Mídia, responsável pela comercialização de espaços nas estações e também nos trens. A caminho do aeroporto, do alto da Linha Vermelha, este colunista conseguiu ver, no pátio da Central, o trem que já está adesivado de ponta a ponta pelo sabão em pó Omo, numa iniciativa ousada da Gessy Lever. Confesso que achei impressionante.
* E-COMMERCE - A V&S Comunicações conquistou a conta da Vesta Technologies, empresa especializada no desenvolvimento de soluções de infra-estrutura tecnológica (e-frastructure) para a viabilização de comércio eletrônico entre empresas (business-to-business), nos ambientes Internet, Mobile Computing e de Banda Larga.
* ACARAJÉ - O colunista está fechando esta página diretamente do Hotel Sofitel, em Salvador, onde acontece este fim-de-semana o julgamento dos Colunistas Norte-Nordeste e Bahia. Os resultados, como sempre, serão colocados no site do Prêmio Colunistas, em www.colunistas.com, além de noticiados na edição on-line da Janela.

CARTAS

De Marcio Padilha, produtor de áudio
"Caro Xará,
Gostaria de te avisar que a partir desta data não mais pertenço aos quadros da Mr. Vox. Foram 10 anos de convivência e muito trabalho, onde espero ter ajudado a construir uma marca sólida e bem posicionada na mercado de produção de áudio carioca. As razões de minha saída foram meramente administrativas e o fim da relação profissional não implica no fim da amizade com o Gaúcho, pelo qual mantenho grande amizade e respeito.
No momento, tenho duas propostas oficiais e duas extra-oficiais para, ou começar uma nova produtora de áudio no mercado, ou trabalhar em produtoras de vídeo que querem dar uma nova "cara" ao áudio final de suas produções.
Espero em breve estar te comunicando boas novidades.
Um grande abraço,
Marcio Padilha
Produtor de Áudio
e-mail: [email protected]
tels: 872.2920 - 9237-5787