Janela Publicitária    
 
  Publicada desde 15/07/1977.
Na Web desde 12/07/1996.
 
A Fenêtre é a cobertura da Janela Publicitária em Cannes.
 

24 de junho de 2011, sexta-feira

CRISPIN 5x5

Melhor seminário que vi este ano por aqui, o 5x5 da Crispin trouxe um formato muito bacana: 5 diretores da agência fizeram palestras de apenas 5 minutos cada.
Segundo eles, é porque criativo tem distúrbio de atenção.
Dos 5, destaque para Rob Reilly que mostrou a importância de ser insistente e nunca desistir das ideias. Sabia que a campanha dos Minis falsificados que ganhou um caminhão de prêmios há alguns anos foi reprovada, inclusive dentro da agência, umas 5 vezes? Reilly também fez um valioso apelo: pediu que as pessoas parem de meter o pau umas nas outras em comentários anônimos em sites de propaganda.
Segundo ele, isso só joga a profissão inteira na sarjeta e dá razão aos clientes terem tantas dúvidas.
Na vez diretora criativa, Tiffanny Rolfe, um fato curioso. Enquanto falava sobre a força criativa das mulheres, passou mal, quase desmaiou e saiu do palco às pressas.
No final, os sócios da agência lançaram o desafio de 1 milhão de dólares. Vão investir um milhão na melhor ideia de projeto que envolva tecnologia e comunicação. Se tiver algo em mente, é só acessar milliondollarchallenge.com e mandar.
Depois convida a gente pra cobrir o lançamento.

OGILVY É 100

Ontem foi o aniversário de 100 anos de David Ogilvy e se o cara ainda estivesse nesse plano astral, teria ficado bem feliz.
Ao longo das palestras, personalidades e dirigentes das mais importantes agências lembraram a data e pediram aplausos pelo centenário.
A fachada do festival foi substituída por uma em homenagem a ele. Foi estendido um tapete vermelho em toda a Croissete com uma hashtag que fazia referência a data.
À noite, a Ogilvy fez uma superfesta nos jardins do Le Grand Hotel.
Estava bacana. Decoraram tudo com gravuras do Magritte, fizeram um bar de gelo, projetaram a marca da Ogilvy nos prédios enquanto artistas circenses faziam acrobacias. Parabéns, David.

GENTE QUE RALA

Como sempre faço, gostaria de homenagear a turma da imprensa aqui.
Esse time de profissionais, um dos maiores, mais preparados e informados entre todos os países que estão aqui, não descansou um segundo desde que chegou.
E vocês não tem ideia de como tem gente que liga, quer saber das coisas antes até dos jurados, pede nota, quer ser lembrado, quer corrigir a ficha que a própria assessoria da agência enviou. Fueda.
Como se um jornalista do mercado, de posse de uma informação como quem ganhou um leão, não fosse divulgar.
Então parabéns ao AdNews, Blog do Adonis, Blue Bus, CCSP, Estadão (valeu, Marili Ribeiro!), iG, M&M, Reclame, PropMark, M&M, VoxNews, pelo grande trabalho e pela paciência que, alô, galera das agências, tem limite.
Não consegui fotografar todos porque vocês não param, mas o abraço é para todos.
PropMark em ação: Daniel Dotoli, Marcello Queiroz, Milena Rodrigues e Karam Novas. No fundo, de azul, Renata de Salvi da Revista Propaganda.
Laís Prado, Marcelo Affini , Renata Batochio e Rita Durigan
Alê Zaghi atualizando o site do M&M enquanto a Regina Augusto, o Robert Galbraith e todo o time estava correndo atrás das últimas notícias.
Time do CCSP suando a camisa: Laís Prado, Marcelo Affini , Renata Batochio e Rita Durigan (TV CCSP/Publicis).
Alê Oliveira do PropMark
Adonis Alonso
Alê Oliveira do PropMark na hora dele de falar "xis" pra câmera.
Adonis Alonso, do Blog do Adonis, nunca desliga.
Ana Paula Jung
Claudia Penteado
Ana Paula Jung é a “Malu Mader” do PropMark.
A multijornalista Claudia Penteado, cobrindo pelo PropMark.
Emerson Souza
Emerson Souza, do Reclame, não reclama nunca, tá sempre tudo ok.
Na câmera, Satoru. No computador, Rafa Oliveira e Sami do Reclame.
Luna França, o Toshio Yamasaki e o Roger Garcia.
Marcelo e Eduardo Gripa
E a turma do Reclame aqui é gigante: ainda tem a Luna França, o Toshio Yamasaki e o Roger Garcia.
Os irmãos (que também são brothers) Marcelo e Eduardo Gripa, do AdNews
Fernando Cirilo e a Luísa Brasca
Antonio Carlos Accioly
Mais um sósia, agora o Robert De Niro do Reclame (Fernando Cirilo) e a Luísa Brasca do time Reclame/Multishow.
E claro, o indefectível, inabalável, indestrutível, Antonio Carlos Accioly, dando expediente para o VoxNews.

Fabio SeidlXOOM

E nao é que fui um dos 5 sorteados pelo YouTube para ganhar um tablet da Xoom, da Motorola? Thanks, Google.
Só precisei fazer a papagaiada de interpretar o garoto propaganda da campanha Old Spice. Now look at me.

ADIVINHA

E um dos correspondentes que estão por aqui, que eu não vou dizer o nome, aprontou uma boa.
Como o computador dele parou de funcionar, ele passou a usar um dos que o festival disponibiliza.
E resolveu abrir seu hotmail, coisa que não fazia há tempos. Estava sem óculos, achou que estava com muito junk mail (e chega muito lixo pelo mailing do festival).
Aí, o maroto nem pensou. Apagou aquele monte de mensagens em inglês sem ler. Limpou a lixeira e voltou a trabalhar.
Chega uma gringa, desesperada.
- Eu estava usando esse computador!
- Ah, desculpa.
- Espera aí. Meu email! Meu hotmail! Onde estão minhas mensagens?
Apareceu até a coordenadora da imprensa para tentar acalmar os ânimos. E o tal correspondente, se levantou e foi saindo, sem entender bem o que tinha acontecido.
Quem adivinhar o autor da peripécia ganha um ramo de margaridas.

PATI SMITH

A “mãe” do punk rock, Pati Smith acabou de passar aqui pela sala de imprensa após falar no seminário da Grey.
E a cantora e escritora, que já chegou aqui se dizendo a “avó” do punk, mostrou que a atitude continua na veia (na veia, não na véia).
Pediu que usássemos a criatividade para fazer coisas boas pra sociedade também, e que o mundo estava cheio de propaganda ruim em todos os espaços públicos.
Questionada por ser “punk” e estar num evento comercial como esse, foi direta: “não estou nem aí, este é um espaço para eu divulgar minhas ideias, então tudo bem”.

MOMENTO AMAURY “KEEP IT COMING LOVE” JR

Gente que passou na frente do Flash da Fenêtre.
Cristina Amorim e Claudio Gatão
Cristina Amorim e Claudio Gatão, da Giovanni, dão uma refrescada entre os seminários.
André Lima
Carlão Busato e Alex Mehedff da Hungry Man, com Flávio Waiteman e Carlos Fonseca, da Africa.
André Lima, da NBS, assíduo no Auditório.
A cúpula da Ogilvy: Anselmo, Sergio Amado e Musa com Frederico, do Magazine Luiza.
Dan Zechinelli, da Filadélfia, entre Tales e Alex, da Trator Filmes, brindando aos 100 anos de David Ogilvy.

CAIXA POSTAL

Como está todo mundo curtindo o feriado, as mensagens, xingamentos e cobranças de dívidas deram uma esfriada na nossa caixa postal.
Mas recebemos um alô especial da querida diretora de arte Márcia Mendes, que se prestou a elogiar a Fenêtre no dia do aniversário dela.
E tenho certeza que ela tinha coisa melhor pra fazer num dia feliz como esse. Obrigado e parabéns, Marcinha!

É feriadão, mas você pode mandar seu cartão postal virtual de Iguabinha para [email protected] e [email protected]


DE SHORT NA RIVIERA

470 peças e 7 horas de exibição. E ainda nem terminei de ver o short de Titanium e Craft.
Entre os filmes, a categoria mais clássica porém agora não tão badalada do festival, tem muita coisa legal.
Escolhi 10 filmes gringos para comentar.
O critério foi meio aleatório, são os que me chamaram a atenção e arrancaram aplausos da platéia (sinceros, não os daqueles caras que fizeram e estão aqui e ficam batendo palma pra si mesmos).
Teve mais coisa aplaudida, claro, mas não dá pra citar tudo e teve coisa que fui procurar no YouTube e não achei.
Não coloquei os óbvios Write The Future pra Nike, nem The Force pra VW e nem o Coro da Coca-Cola (os bons são maioria) que já foram mais do que comentados e são as barbadas pro Ouro que será anunciado amanhã.
Divirtam-se:

The best excuse ever, da Del Campo Nazca para Cerveza Norte.

Simplesmente a melhor promoção para cerveja que já vi na vida. Ah, um detalhe. Sabe quantos filmes de Budweiser esse ano? Zero.

Braids, da BBDO Argentina para H2Oh!

O deboche surrealista ainda pega na veia. Filme de consumo, com família na mesa e uma piada excelente.

Shower Like A Man, da Los&Co Oslo para o shampoo Asan

Vou ser sincero, escolhi esse filme porque ele é muito escroto.

Shoelaces, da Saatchi Suíça para Otrivin

Eu sempre achei o que esse filme diz. Deu raiva de não ter feito.

Package, da DDB Tribal Alemanha para McDonalds

Achei meio “ousado” por parte do McDonalds aprovar isso aí, não é muito o comportamento da marca, mas vamos lá, né?

Frank, da BFG9000 para Kayak.com

O filme é do Gerry Graff e sua agência nova. Trata-se do cara que “inventou” a insanidade que são as campanhas de Skittles.

Landon Donovan, da Wieden Portland para ESPN

Humor simples demais, bom demais.

Picnic, da DDB Amsterdam para Centraal Beheer

Eu sou fã de todos os filmes que criam para a Centraal. O deste ano mantém o legado.

Kitchen, da Lowe Indonésia para a Unicef

Essa campanha ganhou em Print também que acho até melhor que o filme. Mas o que me chama a atenção é o fato de ser um comercial para TV, pedindo para as pessoas desligarem a TV e que os publicitários, que vivem da TV dos outros estar ligada, adoram:

Waking Up Neighborhood, da Ogilvy Johannesburgo para Powa

Só achei no YouTube o case, que já foi premiado em Promo. Mas a ideia do filme, verdadeira e uma porrada também na cara de quem assiste, está aí.