Quintal cria grupo no WhatsApp para o canal Sexy Hot

Grupo da Pelada, da Quintal para o Sexy Hot

Que os grupos no WhatsApp e no Telegram são terreno fértil para o compartilhamento de fotos e vídeos de sacanagem todo mundo sabe. É nesse território também que conteúdos não consentidos são espalhados, com hashtags como #Novinha e #RevengePorn.

Olhando para esse panorama, a Quintal criou o projeto Grupo da Pelada, que vai espalhar, a partir de 27 de agosto, conteúdo pornográficos 100% legal e gratuito pelo WhatsApp e pelo Telegram.

As pessoas poderão entrar nos grupos e receber, diariamente, cortes de filmes e fotos que passam na programação do canal. O acesso é para pessoas acima de 18 anos e deve ser feito através do site do projeto: grupodapelada.com.br .

“A ideia surgiu após uma pesquisa que o canal fez e identificou alguns perfis de consumo de pornografia no Brasil. Um deles, o ‘fast porn’, recebe, consome e compartilha vídeos curtos para e através de suas redes. Nosso projeto garante que o conteúdo compartilhado seja legal e ainda amplia o alcance da nossa marca para um público realmente interessado naquilo que o Sexy Hot tem de melhor: pornografia de altíssimo nível.” – diz Leonardo Brossa, sócio planejador da Quintal.

Também está no projeto a possibilidade de o grupo servir de plataforma para promoções que inclusive darão cupons de desgustação gratuita do Sexy Hot, canal distribuido pela Globosat e que pertente ao grupo Playboy do Brasil Entretenimento.

MX Publicidade
Publicidade

Marcio Ehrlich

Jornalista, publicitário e ator eventual. Escreve sobre publicidade desde 15 de julho de 1977, com passagens por jornais, revistas, rádios e tvs como Tribuna da Imprensa, O Globo, Última Hora, Jornal do Commercio, Monitor Mercantil, Rádio JB, TV S e TV E.
seta