• DPZ&T - Criatividade que gera resultados.
    Quem vê esta coruja, Vota Eletromídia
  • Setor de comunicação investe só R$ 2,2 mi em cultura no Rio

    Rio - A Cultura dos Cariocas

    Apenas 19 empresas da área de comunicação — agências e veículos — aparecem este ano na lista de Contribuintes Incentivadores, que a Comissão Carioca de Promoção e Cultura (CCPC), da Prefeitura do Rio de Janeiro divulgou esta terça, 16/10. Um número que corresponde a não mais que 2,6% das 728 empresas aprovadas para aplicar parte de seu Imposto Sobre Serviços (ISS) em iniciativas culturais do município.

    No total, os investimentos do setor alcançarão R$ 2.252.677,42, dos quais 70,7%, ou seja, R$ 1.593.852,66, virão da Globosat e demais veículos do Grupo Globo.

    Cultura é fundamental

    Considerando que o único custo das empresas para participar do projeto está no envio de seus documentos — o valor investido, se não fosse para cultura, iria para os cofres da Prefeitura –, faz pouco sentido que tão poucas empresas de comunicação participem.

    Alguns dos livros editados com o patrocínio cultural da Agência3.
    Alguns dos livros editados com o patrocínio cultural da Agência3.

    Paulo Castro, diretor da Agência3 — que vai para seu quarto ano aproveitando o projeto para patrocinar livros de arte sobre o Rio de Janeiro, que depois são distribuídos a funcionários, clientes e prospects –, explica:

    “A cultura tem um papel fundamental na vida do Rio de Janeiro. Somos uma capital cultural. Como agência carioca, sempre apoiamos projetos ligados à cultura da nossa cidade”.

    Para Camilo Coelho, gerente de comunicação da NBS, outra agência que todo ano se cadastra como Contribuinte Incentivadora, seria ótimo se outras agências fizessem o mesmo:

    “A NBS aprendeu com o tempo, principalmente por causa do nosso projeto social, a NBS Rio+Rio, a importância de aproveitar ‘qualquer dinheiro’ para projetos sociais e culturais. Temos os nossos projetos incentivados na mesma lei e fazemos a captação com grandes clientes. Foi a partir desse aprendizado que decidimos usar o nosso dinheiro de ISS como agência para apoiar projetos sociais e culturais. Sentimos na pele a dificuldade de viabilizar esses projetos e sabemos muito bem a importância desse dinheiro”, disse.

    A arte existe porque a vida não basta.— Ferreira Goulart

    Outra agência que vem aproveitando há tempos o projeto da Prefeitura do Rio é a Binder. Seu diretor Marcos Apóstolo defende que as empresas contribuam, através de todos os meios legais e disponíveis, para expandir a diversidade cultural, criando oportunidades para a produção artística brasileira:

    “A renúncia fiscal é uma das formas mais ativas de não se renunciar à cultura. Há muita desinformação sobre o assunto. Nós acreditamos que as manifestações culturais transformam e aproximam pessoas, promovendo a troca de experiências. Como disse Ferreira Gullar, ‘a arte existe porque a vida não basta”. Façamos mais vida com arte'”, completou.

    Veja a seguir a relação das empresas de comunicação que localizamos na listagem do CCPC, com o valor que cada uma poderá utilizar, do seu ISS, para investir em cultura.

    NOME DE FANTASIA E RAZÃO SOCIAL INVESTIMENTO
    3+ (3 Comunicação e Participações Ltda.) R$ 1.649,33
    Agência3 (Agência 3 Comunicação Integrada Ltda.) R$ 41.893,77
    Ancar House (Ancar House Publicidade e Propaganda Ltda.) R$ 2.680,99
    Approach (Approach Comunicação Integrada Ltda.) R$ 36.183,40
    Binder (Binder FC Comunicação Ltda.) R$ 25.869,38
    Dream Factory (Dream Factory Comunicação e Eventos Ltda.) R$ 33.726,24
    FSB Comunicação (FSB Estratégia Em Comunicação Ltda.) R$ 50.540,67
    FSB Publicidade (FSB Publicidade Ltda.) R$ 6.907,03
    Grupo Globo (Globo Comunicação e Participações SA) R$ 813.787,07
    Globosat (Globosat Programadora Ltda.) R$ 780.065,59
    In Press (In Press Assessoria De Imprensa e Comunicação Estratégica Ltda.) R$ 21.621,06
    Ita Bus (Ita Bus Publicidade Eireli) R$ 4.463,59
    New Ideas (New Ideas Comunicação Ltda.) R$ 23.968,13
    NBS (PPR Profissionais De Publicidade Reunidos SA) R$ 142.645,88
    Rock In Rio (Rock World SA) R$ 152.832,24
    RP Brasil (RP Brasil Comunicações Ltda.) R$ 92.263,80
    Script (Script Marketing e Design Ltda.) R$ 4.937,67
    Staff (Staff De Comunicação Ltda.) R$ 6.258,52
    Tools Comunicação (Tools Strategy Gestão Em Comunicação Ltda.) R$ 10.383,06

    Marcio Ehrlich

    Jornalista, publicitário e ator eventual. Escreve sobre publicidade desde 15 de julho de 1977, com passagens por jornais, revistas, rádios e tvs como Tribuna da Imprensa, O Globo, Última Hora, Jornal do Commercio, Monitor Mercantil, Rádio JB, TV S e TV E.
    seta