Grupo Coruja. Sua marca em movimento.
Publicidade

BNDES renova com suas agências Master, Nova/SB e Propeg

Sede do BNDES

Escolhidas em concorrência no final de 2014, as agências Master e Nova/SB partem para sua quinta e última renovação legal possível com o BNDES, numa verba prevista, em 2019, para até R$ 110 milhões, o mesmo valor licitado há cinco anos.

A terceira a ter seu contrato renovado foi a Propeg, mas esta ainda está longe do seu limite de renovação. A agência somente começou a trabalhar para o BNDES em 2017, depois de ganhar na justiça o direito de entrar na conta.

Relembrando: a Propeg havia chegado em quarto lugar na disputa de 2014, com o terceiro sendo ocupado pela Borghi/Lowe. Quando, em 2015, o publicitário Ricardo Hoffmann, diretor da Borghi em Brasília foi preso pela Lava-Jato, o BNDES decidiu não renovar seu contrato com a agência, mantendo apenas a Master e a Nova/SB. A Propeg foi lutar pelo seu direito de subir para a terceira colocação e ficar com a vaga. Depois da lentidão de praxe dos foros brasileiros, um juiz da 8ª Vara Federal do Rio de Janeiro acabou garantindo, em 2017, sua posição na conta.

A renovação com as três agências aconteceu em 20/12 último, sendo apenas oficializada pelo Diário Oficial esta quinta, 10/01.

LEIA TAMBÉM:

Justiça garante Propeg na conta de publicidade do BNDES (em 16/12/2017)

Marcio Ehrlich

Jornalista, publicitário e ator eventual. Escreve sobre publicidade desde 15 de julho de 1977, com passagens por jornais, revistas, rádios e tvs como Tribuna da Imprensa, O Globo, Última Hora, Jornal do Commercio, Monitor Mercantil, Rádio JB, TV S e TV E.
seta