• Colunistas 2019. Para quem sabe vencer desafios.
  • Comunicação de Witzel pode ter mudanças, e Rila deixar a equipe

    Luiz Rila

    Subsecretário de Comunicação do Governo do Estado do Rio de Janeiro desde janeiro, Luiz Rila (foto) pode estar de saída da equipe, como resultado de alterações no organograma estadual que estão sendo estudadas pelo governador Wilson Witzel.

    Procurado pela Janela, Luiz Rila foi enfático em declarar que a informação da sua saída não procede. No entanto, segundo amigos da Janela, os rumores se devem às discussões que começaram a acontecer, no Palácio Guanabara, sobre a possibilidade de a área de comunicação do estado — que desde o início estava vinculada à Secretaria de Governança, novo nome dado à Casa Civil –, ser transferida para a Secretaria de Governo, atualmente comandada por Gutemberg de Paula Fonseca.

    Gutemberg Fonseca
    Gutemberg Fonseca

    O ex-árbitro de futebol e empresário Gutemberg — também chamado de “Guto” –, tem longa relação com o setor publicitário. Seu perfil no Linkedin aponta que é CEO, desde 2009 “até hoje”, da agência Yxe (veja yxe.com.br). A agência, que também leva o nome de fantasia de Agência Zip, assinou, no passado, algumas campanhas eleitorais, além de ter criado trabalhos para a Rede Economia. Procuramos mais nomes de clientes da Yxe, mas o site da agência não indica a relação.

    Na época da campanha eleitoral pelo Governo do Estado, citou-se que o próprio Guto teria respondido pela comunicação digital da campanha de Witzel.

    Entre outras atividades, de agosto de 2013 a setembro de 2014, Gutemberg foi diretor de Marketing da Secretaria Estadual de Turismo do Rio. E de 2015 a 2017, integrou a diretoria da ABMN, a convite do presidente Thomaz Naves.

    A informação de que a área de comunicação do Governo Witzel poderia passar a ser subordinada a Gutemberg vem causando um incômodo na área política estadual, exatamente pelas relações de Guto com a atividade publicitária. Afinal, existe a perspectiva de o Governo do Estado lançar, em breve, a sua concorrência para a escolha de novas agências, para uma verba estimada em R$ 100 milhões.

    O empresário tem declarado, desde sua posse como secretário de Governo, que já havia se afastado da empresa. No entanto, além da referência no Linkedin, seu nome ainda aparece como sócio nas buscas relacionadas à Yxe.

    Marcio Ehrlich

    Marcio Ehrlich

    Jornalista, publicitário e ator eventual. Escreve sobre publicidade desde 15 de julho de 1977, com passagens por jornais, revistas, rádios e tvs como Tribuna da Imprensa, O Globo, Última Hora, Jornal do Commercio, Monitor Mercantil, Rádio JB, TV S e TV E.
    seta