Grupo Coruja. Sua marca em movimento.
Publicidade

Rodrigo Amado assume a presidência do Sinapro-RJ

Rodrigo Amado (2019)

O diretor e sócio da agência Script, Rodrigo Amado Martins (foto), é o novo presidente do Sindicato de Agências do Estado do Rio de Janeiro (Sinapro-RJ), entidade na qual vinha atuando como vice-presidente.

Ele assume o cargo com a renúncia de Duda Moncalvo, que preferiu se afastar já que, ocupando a Direção Geral do escritório da Artplan em Brasília desde janeiro de 2018, tem precisado passar a maior parte dos seus dias na capital federal.

A posse de Rodrigo Amado repete, de certa maneira, a situação vivida pelo próprio Moncalvo em 2015. Naquele ano, como vice-presidente da entidade, Duda teve que assumir a presidência quando José Calazans precisou deixar o cargo, impedido, estatutariamente, de comandar um órgão sindical patronal a partir do encerramento das atividades da agência Contemporânea que dirigia em Vitória (ES).

Na eleição seguinte, em outubro de 2017, Moncalvo — na época sócio da agência carioca Wide — se reelegeu, tendo ainda na diretoria Rodrigo Amado como vice, Glaucio Binder como diretor secretário e Alvair Teixeira como diretor tesoureiro.

Rodrigo Amado assume o Sinapro-RJ com o desafio da nova realidade das entidades sindicais no Brasil, agora que o recolhimento de imposto sindical, tanto por parte dos profissionais quanto das empresas, deixou de ser obrigatório.

Ele, no entanto, quer mostrar ao mercado que ainda vale a pena uma agência ser filiada e ganhar o direito de ser representada por um sindicato. “Minha meta, agora, é apresentar às agências os diversos serviços que o sindicato presta, além de trabalhar para melhorar e ampliar esse leque”, disse o novo presidente à Janela.

“Essa é uma grande responsabilidade, que espero dividir com todas as agências do Rio de Janeiro. Até porque, mais do que em qualquer outro momento, todos estamos precisando agora nos unir em torno dos objetivos comuns do nosso mercado”, concluiu.

Marcio Ehrlich

Jornalista, publicitário e ator eventual. Escreve sobre publicidade desde 15 de julho de 1977, com passagens por jornais, revistas, rádios e tvs como Tribuna da Imprensa, O Globo, Última Hora, Jornal do Commercio, Monitor Mercantil, Rádio JB, TV S e TV E.
seta