Grupo Coruja. Sua marca em movimento.
Publicidade

Senac revela nomes da Comissão de Avaliação de sua concorrência

Sesc - Senac - Ayrton Senna 5555

Cinco profissionais do Senac e do Sesc Nacional serão os responsáveis pela análise dos trabalhos apresentados esta semana pelas nove agências interessadas na conta de R$ 9,8 milhões das entidades ligadas à Federação do Comércio (Fecomércio): Binder, Brick, Cálix, E3, Nacional, NBS, Nova/SB, Radiola e Stylus.

Como o Senac não está sujeito às normas das leis 8.666 e 12.232, que regulam as concorrências publicitárias da área pública, não houve a necessidade de sorteio para definir três membros — dois ligados ao órgão e um sem vínculo — como tradicionalmente acontece nestas disputas.

Estes são os nomes que vão julgar os trabalhos:

Aline de Araújo Durães, responsável técnica pela Assessoria de Comunicação do Senac Nacional.
Ana Márcia Varela, assessora da Assessoria de Relações Institucionais do Sesc Nacional.
Anderson de Oliveira Larangeira, supervisor técnico da Assessoria de Comunicação do Sesc Nacional.
Márcia Leitão, assessora da Assessoria de Comunicação do Senac Nacional.
Vanessa Medeiros, analista de Comunicação Interna do Sesc Nacional.

A Janela vem defendendo nos últimos meses a importância de as entidades do mercado e as agências que participam de licitações públicas ficarem atentas à formação das chamadas “subcomissões técnicas”. Seus componentes são responsáveis por definir as pontuações que podem decidir, logo na primeira fase, os rumos de uma disputa. Cabe a elas, principalmente através de seus representantes nas Abaps e nos Sinapros, questionar: eles têm competência comprovada para julgar publicidade? Tem isenção para estar na função?

Não tem sido poucos os casos registrados pela Janela em que investimentos altíssimos realizados pelas agências foram literalmente jogados no lixo por conta de concorrências canceladas, ao se revelar relações conflituosas entre julgadores e agências vencedoras.

No caso do Senac, aliás, a Janela parabeniza pela rapidez com que foi atendida a nossa solicitação de revelação dos nomes, já que este comunicado não havia acontecido até este momento durante o processo da concorrência.

LEIA TAMBÉM NA JANELA

Quem julga o julgador das concorrências de publicidade (em 28/08/2019)

Suspeita de fraude cancela licitação de agências em Brasília (em 17/08/2019)

TCU cancela licitação do Conselho Federal de Química (em 25/07/2019)

Justiça acata pedido da Propeg e suspende licitação no Rio (em 20/08/2019)

Dono de produtora pode ter motivado cancelamento da Concorrência do BB (em 18/05/2017)

PUBLICIDADE

Tupi FM. A única diferença é a qualidade.
Vote Daniel Simões no Caboré
UM_Digital. Sem medinho de trabalhar com você.
Marcio Ehrlich

Marcio Ehrlich

Jornalista, publicitário e ator eventual. Escreve sobre publicidade desde 15 de julho de 1977, com passagens por jornais, revistas, rádios e tvs como Tribuna da Imprensa, O Globo, Última Hora, Jornal do Commercio, Monitor Mercantil, Rádio JB, TV S e TV E.
seta