Grupo Coruja. Sua marca em movimento.
Publicidade

Prezunic define sua concorrência e mantém a conta na Leiaute

Prezunic - Loja

EM PRIMEIRA MÃO – A agência baiana Leiaute conseguiu segurar no seu escritório carioca a conta da rede de supermercados Prezunic, do grupo chileno Cencosud, cuja concorrência vem rolando desde junho último.

A disputa, que começou com as agências 11:21, Agência3, Binder, FCB, NBS, Propeg e Repense, além da própria Leiaute, terminou com Agência3, Leiaute e Propeg como finalistas, ficando a decisão, segundo informações do mercado, por conta das propostas financeiras de cada uma.

A Leiaute atende a conta do Prezunic no Rio desde junho de 2013, quando abriu escritório no mercado carioca para atender o mercado e a Eletrobras. A matriz baiana da agência já cuidava de uma conta de varejo local do Cencosud, a GBarbosa.

A verba de comunicação do Prezunic está avaliada em R$ 30 milhões, mas o que ele deixa de receita real para a agência — considerando que o cliente claramente fez uma concorrência para conseguir baixar taxas — agora só o supermercado e a Leiaute saberão.

O Oferteiro, personagem da Leiaute criado para o Prezunic
Marcio Ehrlich

Marcio Ehrlich

Jornalista, publicitário e ator eventual. Escreve sobre publicidade desde 15 de julho de 1977, com passagens por jornais, revistas, rádios e tvs como Tribuna da Imprensa, O Globo, Última Hora, Jornal do Commercio, Monitor Mercantil, Rádio JB, TV S e TV E.
seta