Grupo Coruja. Sua marca em movimento.
Publicidade

Infoglobo faz cortes e jornal Expresso pode acabar

Expresso, do Infoglobo

Demissões na redação do Infoglobo esta terça, 19/11, começaram a gerar, nas redes sociais, informações de que vários dos produtos do grupo estão sendo cortados, entre eles o jornal popular Expresso, que já deixaria de circular. Além disso, o jornal Extra estaria perdendo suas edições de bairros.

Os maiores cortes profissionais, reportam as trocas de mensagens que entre jornalistas do mercado carioca, estariam no Segundo Caderno e na editoria de Esportes.  As editorias de Economia, Sociedade e Nacional estariam preservadas, por serem as que mais geram venda de assinatura.

O comentário mais preocupante, porém, seria a de que a revista Época também estaria na mira da reformulação, tendo sua circulação garantida apenas até o final deste ano. Vale lembrar que Época chegou a circular por um ano encartada na edição de sextas-feiras do jornal O Globo, alcançando um nível de leitura e relevância que levaram ao Prêmio Colunistas Rio conceder, em 2018, o título de Veículo Impresso do Ano para a publicação. Em agosto último, porém, a revista voltou a circular independentemente, buscando se sustentar com a venda em bancas e por assinatura.

Outra revista que teria sua continuidade arriscada seria a Galileu, publicação que aborda assuntos ligados a ciência, história, tecnologia, religião e saúde.

O jornal Expresso — que tem o nome completo de “Expresso da Informação”, por questões legais –, circula há 14 anos.

PUBLICIDADE

Eletromidia
UM_Digital. Sem medinho de trabalhar com você.
Eletromidia
Marcio Ehrlich

Marcio Ehrlich

Jornalista, publicitário e ator eventual. Escreve sobre publicidade desde 15 de julho de 1977, com passagens por jornais, revistas, rádios e tvs como Tribuna da Imprensa, O Globo, Última Hora, Jornal do Commercio, Monitor Mercantil, Rádio JB, TV S e TV E.
seta