• Oi Ads
  • Dentsu decide deixar contas públicas no Brasil

    Dentsu Aegis Network

    O grupo Dentsu Aegis Network já comunicou a seus clientes de governo que está deixando o atendimento de contas públicas através de algumas de suas agências. Fazem parte do grupo Isobar, McGarryBowen, MKTG e NBS.

    Com isso, os comentários em Brasília são de que os escritórios que o grupo mantém na capital para atender Secom, Banco do Brasil e Embratur poderão ser esvaziados.

    A decisão pega o mercado de Brasília de surpresa, pelo volume de demissões que poderá acarretar. Em junho de 2019, a Janela chegou a publicar a passagem do publicitário Dudu Godoy — ex-diretor da NBS — exatamente para cuidar da área de relacionamento de todas as agências do grupo com as contas de governo.

    ATUALIZAÇÃO ÀS 18:30h

    A Dentsu Aegis Network emitiu o seguinte comunicado a partir da nota publicada, confirmando o fechamento de três de suas bases no DF:

    A Dentsu Aegis Network Brasil comunica que está encerrando as atividades dos escritórios da Isobar, mcgarrybowen e MKTG de Brasília, em linha com o término dos contratos vigentes.

    As operações de Brasília e São Paulo são independentes, e a decisão comunicada não afeta São Paulo.

    Segundo levantamento da Janela, e que pode se confirmar pela ausência da citação na nota oficial, o escritório da agência NBS, que atende em Brasília a Secom-PR, não será afetado pela redução de investimentos do grupo naquela praça.

    LEIA TAMBÉM NA JANELA

    Dudu Godoy amplia sua atuação na rede Dentsu Aegis no Brasil (em 25/06/2019)

    Marcio Ehrlich

    Marcio Ehrlich

    Jornalista, publicitário e ator eventual. Escreve sobre publicidade desde 15 de julho de 1977, com passagens por jornais, revistas, rádios e tvs como Tribuna da Imprensa, O Globo, Última Hora, Jornal do Commercio, Monitor Mercantil, Rádio JB, TV S e TV E.
    seta