Grupo Coruja. Sua marca em movimento.
Publicidade

codeBuddy começa a anunciar com campanha da Quintal

Quintal para codeBuddy

A escola de tecnologia codeBuddy, voltada para o público infanto-juvenil, entra na mídia digital esta semana com campanha criada pela agência Quintal, em seu primeiro trabalho para o cliente.

As peças, protagonizadas por crianças, procuram mostrar como o aprendizado de tecnologia não só prepara para as novas demandas profissionais como auxilia no aprendizado de outras matérias tradicionais, como matemática.

Na codeBuddy, explica sua Head de Marketing, Renata Neves, as crianças aprendem a criar games, aplicativos, sites e a programar drones e robôs. “Tivemos o cuidado, na campanha, de apresentar a nossa marca e reforçar atributos como o desenvolvimento de raciocínio lógico, da criatividade, da resolução de problemas e de noções de empreendedorismo”, diz a executiva.

Para o sócio e planejador da Quintal, Leonardo Brossa, como este é um segmento novo, “ainda há uma dissonância entre o que os pais entendem por uma escola de tecnologia e como as crianças vivem essa experiência lá dentro”. Daí, diz o ele, a ideia de mostrar que “conhecimento e diversão podem andar de mãos dadas”.

Além dos comerciais, de 30″ e 15″, a Quintal está produzindo material específico para o Stories do Instagram.

Ficha Técnica:

Cliente: Code Buddy
Agência: Quintal
Planejamento: Leonardo Brossa e Laura Dias
Criação: Nina Góes e Gustavo Marcula
Direção de Criação: Daniel Ferreira e Rafael Ferrer
Atendimento: Bianca Escobar, Camilla Areas e Larissa Machado
Mídia: Rodolfo Laranjeira, Flaviane Silva, Sergio Vancini e Paloma Lisker
Gerência de Projeto e RTVC/ArtBuyer: Danielle Cambeses
Aprovação Cliente: Cristina Cadore e Renata Neves
Produtora Filme: Sideral
Direção: Luciano Cian
Produção Executiva: Alessandra Azevedo
Direção de Fotografia: Daniel Leite
Produção Fotográfica: Ulysses Moraes

PUBLICIDADE

UM_Digital. Sem medinho de trabalhar com você.
Tupi FM.
Marcio Ehrlich

Marcio Ehrlich

Jornalista, publicitário e ator eventual. Escreve sobre publicidade desde 15 de julho de 1977, com passagens por jornais, revistas, rádios e tvs como Tribuna da Imprensa, O Globo, Última Hora, Jornal do Commercio, Monitor Mercantil, Rádio JB, TV S e TV E.
seta