• Taxistas ganham máscaras da Farol, que faz OOH em táxis

    Taxistas com máscaras da Farol

    Neste momento em que está difícil ser original nas ações relativas à Covid-19, a Farol Mídia em Táxi lembrou que seus veículos — literalmente — estavam desassistidos e começou a distribuir máscaras reutilizáveis para os motoristas.

    “Estamos produzindo máscaras de tecido em nossas casas e levando-as até os taxistas. Nossa produção é limitada mas o importante é a contribuição”. diz Angelita Tonenberg, diretora de operação da Farol.

    A empresa, que também depende de haver público utilizando táxis para seus anúncios serem vistos, cita que o setor sofreu uma queda brutal após a pandemia, Segundo o presidente da cooperativa Amotáxi, Tárcio Fernandes, “antes da quarentena cada motorista fazia entre 25 a 30 corridas por dia, mas hoje, se fizermos dez, já comemoramos”.

    James Darcy, diretor comercial da Farol, cita que a empresa também está dando apoio ao comércio próximo aos pontos de táxis. “Estamos oferecendo ações segmentadas por bairro atingindo as pessoas que vão fazer compras no comércio local. Mesmo que o táxi não esteja circulando, ele fica parado no ponto e acaba se tornando um mobiliário urbano”, diz.

    Marcio Ehrlich

    Jornalista, publicitário e ator eventual. Escreve sobre publicidade desde 15 de julho de 1977, com passagens por jornais, revistas, rádios e tvs como Tribuna da Imprensa, O Globo, Última Hora, Jornal do Commercio, Monitor Mercantil, Rádio JB, TV S e TV E.

    Envie um Comentário

    O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

    seta