• Banco Central define os possíveis nomes a julgar sua licitação

    Banco Central do Brasil - Placa na fachada

    As agências interessadas nos R$ 31 milhões da conta do Banco Central têm até o dia 21/09, às 10:00h, para impugnar os nomes que considerem que não devem fazer parte da Subcomissão Técnica que julgará as propostas da Concorrência 72/2020.

    O prazo corresponde a 48 horas antes de o Departamento de Infraestrutura e Gestão Patrimonial da estatal fazer o sorteio para compor o grupo de julgadores, sendo dois profissionais vindo de sua área de comunicação e um sem vínculo com o Banco Central. A definição acontecerá dia 23/09, às 10h, na Sala de Licitações e Entrevistas da sede do banco.

    Como acontece sempre nestas situações, o órgão público apenas dvulga os nomes indicados, sem qualquer referência ao seu currículo para permitir que as agências tenham a certeza que eles terão capacidade profissional para analisar o material apresentado.

    Esta foi a lista divulgada pelo Banco Central dos profissionais com vínculo:

    • Ana Márcia de Oliveira Fonseca
    • André Martins Ressel
    • Armando Carlos Weber
    • Giselle Afonso
    • Guilherme Sousa Rocha
    • Rodrigo Lima Porto

    E os três nomes sem vínculo com o BC:

    • Carina Luisa Ochi Flexor
    • Mariana Bittencourt Rabelo
    • Renata Melo de Oliveira Barbosa

    Apesar de, legalmente, como citamos no início, as agências poderem pedir a impugnação de algum nome, dificilmente isso acontecerá. A bem da verdade, a Janela não se lembra de alguma vez isso ter ocorrido. Por um motivo simples: sendo o lado fraco da corda, elas temem criar atrito com a Comissão de Licitação antes mesmo de o processo de julgamento começar.

    Infelizmente, são conhecidos casos em que, depois de os resultados dos trabalhos da Subcomissão Técnica terem sido divulgados, uma agência descontente deixar vir a tona o relacionamento de algum jurado com a empresa vencedora. O resultado, lamentavelmente, acaba podendo ser pior para todos. Afinal, caso aconteça de todo o processo ser cancelamento,  sobra para todos a necessidade de terem que recomeçar do zero a criação de suas novas propostas.

    A entrega das pastas pelas agências está marcada para 26/10, também na sede do Banco Central.

    PUBLICIDADE

    Tupi FM.

    Marcio Ehrlich

    Jornalista, publicitário e ator eventual. Escreve sobre publicidade desde 15 de julho de 1977, com passagens por jornais, revistas, rádios e tvs como Tribuna da Imprensa, O Globo, Última Hora, Jornal do Commercio, Monitor Mercantil, Rádio JB, TV S e TV E.

    Envie um Comentário

    O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

    seta