• Sem dinheiro e com pandemia, Crivella cancela o Réveillon

    Praia de Copacabana Vazia - Noite

    Como a Janela já publicou em primeira mão, a Prefeitura do Rio e a SRCOM não haviam conseguido, até o momento, viabilizar os patrocínios para a produção do projeto de Réveillon virtual, que levaria shows realizados em pontos turísticos da cidade à população através da internet e de alguma transmissão pela televisão.

    Juntando a falta de dinheiro — Crivella havia divulgado amplamente que a festa seria toda bancada pela iniciativa privada — com a pressão pela pandemia da Covid-19, a Prefeitura achou melhor não insistir e resolveu cancelar tudo.

    A Riotur está distribuindo, esta tarde, o seguinte comunicado:

    Réveillon Rio 2021 é cancelado em função da pandemia da Covid-19

    A Prefeitura do Rio, por meio da Riotur, informa que o réveillon oficial da cidade do Rio de Janeiro está cancelado em função do atual cenário da pandemia da Covid-19. Embora o Réveillon Rio 2021 tenha sido projetado em um novo formato, diferente daquele tradicional como há anos é praticado na cidade, isto é, sem presença de público, sem queima de fogos e feito para ser acompanhado pela TV e pelas mídias digitais, neste momento, a Prefeitura opta pelo cancelamento do evento da virada do ano em respeito a todas as vítimas e em favor da segurança de todos.

    “Quando anunciamos o novo modelo para o Réveillon Rio 2021, falamos em responsabilidade social. O nosso discurso permanece. O motivo do cancelamento nada mais é que uma decisão consciente e responsável”, afirmou o presidente da Riotur Fabricio Villa Flor.

    “Esta é uma decisão necessária para a proteção de todos. A festa será a da esperança por bons resultados das vacinas para conter a pandemia. Será ainda um momento de reflexão sobre um ano difícil, de luta, com lamentáveis perdas de tantas pessoas. E será também hora de dar graças a Deus pelas vidas salvas”, concluiu o prefeito Marcelo Crivella.

    LEIA TAMBÉM NA JANELA

    SRCOM vai fazer o Réveillon virtual de 2021 no Rio (em 15/12/2020)

    Falta de patrocinador pode inviabilizar no Rio o Réveillon virtual (em 10/12/2020)

    PUBLICIDADE

    Tupi na TV.

    Marcio Ehrlich

    Jornalista, publicitário e ator eventual. Escreve sobre publicidade desde 15 de julho de 1977, com passagens por jornais, revistas, rádios e tvs como Tribuna da Imprensa, O Globo, Última Hora, Jornal do Commercio, Monitor Mercantil, Rádio JB, TV S e TV E.

    Envie um Comentário

    O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

    92 − = 83

    seta