• Saúde assina contrato emergencial com suas quatro agências

    Marcelo Queiroga, Ministro da Saúde

    O contrato do Ministério da Saúde com suas agências Calia/Y2, CC&P, Fields e Nova/SB, que deveria valer até 24/11/2022, dentro do limite legal de cinco anos de relação, ganhou uma renovação emergencial de seis meses, valendo de 16/11/2021 a 15/05/2022.

    Situações assim costumam acontecer quando o órgão público não consegue soltar uma nova licitação a tempo de não ficar sem agência. Em janeiro último, inclusive, quando as quatro assinaram a sua quarta e última renovação prevista por lei com a pasta comandada por Marcelo Queiroga (foto), a Janela chegou a aventar a proximidade de uma nova disputa. Estes 10 meses, desde então, não devem ter sido suficientes.

    No novo prazo emergencial, a verba para cada uma ficou definida como sendo R$ 12,4 milhões, fazendo o total de R$ 49,7 milhões, ou seja, em torno de 19% do valor de R$ 256 milhões que vinha sendo utilizado desde 2020 para o período anual.

    PUBLICIDADE
    PUBLICIDADESBT Rio
    PUBLICIDADE
    PUBLICIDADETupi FM
    PUBLICIDADE

    LEIA TAMBÉM NA JANELA

    Ministério da Saúde prorroga com Calia/Y2, CCP, Fields e Nova/SB (em 04/01/2019)

    Calia/Y2, CCP, Fields e Nova/SB renovam com Saúde pelo 4º ano (em 26/12/2019)

    Saúde renova até 2022 com Calia/Y2, CC&P, Fields e Nova/SB (em 26/01/2021)

    Marcio Ehrlich

    Jornalista, publicitário e ator eventual. Escreve sobre publicidade desde 15 de julho de 1977, com passagens por jornais, revistas, rádios e tvs como Tribuna da Imprensa, O Globo, Última Hora, Jornal do Commercio, Monitor Mercantil, Rádio JB, TV S e TV E.

    Envie um Comentário

    O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

    *

    code

    seta