• Colunistas 2019. Para quem sabe vencer desafios.
  • Deu no Diário Oficial. Mas o Cel.Didio não vai para a publicidade

    Didio Pereira de Campos

    Uma portaria mal-arranjada do ministro Onyx Lorenzoni, publicada ontem, 11/03, no Diário Oficial da União (DOU), gerou um enorme mal-estar, mais uma vez, nas relações entre a mídia e a Presidência da República.

    Como a Janela adiantou em sua matéria publicada ontem, após conversa com o Coronel Didio Pereira de Campos, demos em primeira mão que o ex-assessor de imprensa do Exército Brasileiro sabia que não iria assumir qualquer cargo na área de publicidade da Secom, diferentemente do texto assinado por Lorenzoni e reproduzido aqui por nós.

    Confirmando para este colunista o que já nos havia revelado, Didio de Campos irá trabalhar com o general Rêgo Barros, porta-voz da presidência. “Não tenho nenhuma atribuição de publicidade ou de coordenação de mídias sociais”, afirmou.

    Sua função será de chefe de gabinete, “com as atribuições administrativas e de assessoramento que o cargo impõe”, disse.

    Aparentemente, a nomeação publicada no DOU deveu-se à necessidade de alocar o coronel Didio, formalmente, em alguma função administrativa no governo, já que o gabinete do porta-voz ainda não tem seus cargos estruturados.

    A confusão na portaria de Onyx Lorenzoni levou o presidente Jair Bolsonaro a acusar que a imprensa estaria reproduzindo “fake news”.

    Sim, a informação não era verídica. Só que o equivoco, ou seja, a “fake news” foi gerada internamente pelo próprio governo. E não explicada de forma oportuna.

    É uma boa oportunidade para o general Rêgo Barros — responsável pela interface do governo com a imprensa — lembrar a seus pares que a função do DOU é ser a mídia pela qual a Presidência da República oficializa as suas informações. Não as redes sociais.

    ATUALIZAÇÃO EM 18/03

    O Diário Oficial publicou a seguinte correção abaixo, mas que ainda não coloca o coronel Didio na função de chefe de gabinete do porta voz. De qualquer forma, como adiantamos na Janela, na área de publicidade é que não será, mesmo.

    Portaria nº 1.422 – NOMEAR
    DIDIO PEREIRA DE CAMPOS, para exercer o cargo de Assessor Especial da Secretaria Especial de Comunicação Social da Secretaria de Governo da Presidência da República, código DAS 102.5.
    Portaria nº 1.423 – TORNAR SEM EFEITO
    a Portaria nº 1.381, de 8 de março de 2019, publicada no Diário Oficial da União do dia 11 de março de 2019, Seção 2, página 3, referente à nomeação de DIDIO PEREIRA DE CAMPOS, para exercer o cargo de Diretor do Departamento de Publicidade da Secretaria de Publicidade e Promoção da Secretaria Especial de Comunicação Social da Secretaria de Governo da Presidência da República, código DAS 101.5.
    ONYX DORNELLES LORENZONI

    LEIA TAMBÉM NA JANELA:

    Coronel Didio de Campos é nomeado para a Publicidade da Secom (em 11/03/2019)

    Marcio Ehrlich

    Marcio Ehrlich

    Jornalista, publicitário e ator eventual. Escreve sobre publicidade desde 15 de julho de 1977, com passagens por jornais, revistas, rádios e tvs como Tribuna da Imprensa, O Globo, Última Hora, Jornal do Commercio, Monitor Mercantil, Rádio JB, TV S e TV E.
    seta