• DPZ&T - Criatividade que gera resultados.
  • Crivella esvazia sua área de eventos, sob protestos do mercado

    Rock in Rio 2015

    Sete meses depois de ter elevado a área de eventos da Prefeitura do Rio ao nível de Subsecretaria, o prefeito Marcelo Crivella, com uma canetada essa segunda-feira, 18/03, tirou do órgão o poder de liberação das grandes feiras, congressos, shows, exposições e outras promoções que buscassem ser realizadas na cidade do Rio de Janeiro.

    Segundo a nova redação do Artigo 4 do Decreto nº 45718, volta às mãos da Subsecretaria de Licenciamento, Fiscalização e Controle Urbano da Secretaria Municipal de Fazenda a emissão de todas aquelas autorizações. No texto anterior, a função era definida como sendo da Coordenadoria Geral de Promoção de Eventos da Subsecretaria de Comunicação Governamental – CGPE — o tal órgão que virou Subsecretaria –, quando se tratasse de eventos com público estimado de mais de mil pessoas e os realizados em áreas públicas da orla marítima, Aterro do Flamengo, Quinta da Boa Vista, Alto da Boa Vista, Parque Ari Barroso, Lagoa Rodrigo de Freitas, Parque Olímpico, Parque de Madureira e Orla Conde.

    A medida irritou os empresários ligados ao setor de eventos no Rio, que vinham tendo na Subsecretaria, comandada por Rodrigo de Castro, um órgão facilitador dos processos burocráticos, como a própria Janela havia indicado em entrevista com ele no início do ano (veja link abaixo).

    A presidente nacional da Associação de Empresas de Eventos (ABEOC), Fátima Facuri, teme que a decisão de Crivella venha levar a mais custos e demanda de tempo para a liberação dos eventos na cidade. “É um retrocesso para a cidade”, protestou.

    O presidente da Apresenta Rio, Pedro Augusto Guimarães, também adiantou à Janela que se reúne ainda hoje com o coordenador de sua Comissão de Licenciamento, o empresário Cristiano Botinha, da agência V3A, para analisar os efeitos do decreto de Crivella. “Precisamos mostrar ao prefeito que foi interrompido o caminho que a Prefeitura do Rio vinha tomando, numa crescente cada vez melhor”, lamentou.

    A Janela tentou o contato com o subsecretário de Eventos do Rio, Rodrigo de Castro, sem retorno até o fechamento desta matéria.

    LEIA TAMBÉM NA JANELA

    Prefeitura do Rio eleva sua área de eventos a nível de Subsecretaria (em 02/08/2018)

    Rodrigo de Castro quer simplificar aprovação de eventos no Rio (em 02/01/2019)

    Marcio Ehrlich

    Jornalista, publicitário e ator eventual. Escreve sobre publicidade desde 15 de julho de 1977, com passagens por jornais, revistas, rádios e tvs como Tribuna da Imprensa, O Globo, Última Hora, Jornal do Commercio, Monitor Mercantil, Rádio JB, TV S e TV E.
    seta